03:27 11 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    401
    Nos siga no

    O grupo terrorista Daesh dispõe de um número suficiente de militantes para os enviar aos países Ocidentais, com objetivo de realizar ataques, alertou o diretor da CIA, John Brennan.

    Na quinta-feira, ele discursará durante audições no comitê especial de inteligência do senado, e a agência Associated Press divulgou alguns trechos do seu pronunciamento. 

    “O Estado Islâmico dispõe de um grande número de combatentes dos países ocidentais que, potencialmente, podem ser usados para realizar atentados terroristas no Ocidente”, adverte Brennan. Ele supõe que os terroristas, possivelmente, já começaram a trabalhar nesse sentido e que são capazes de utilizar o fluxo de refugiados do Oriente Médio para Europa para cumprir os seus intuitos.

    Segundo Brennan, um dos núcleos mais organizados e perigosos do Daesh está na Líbia. Ao mesmo tempo, a contingente do Daesh no Sinai “se transformou em uma unidade terrorista mais ativa no Egito”.  

    Brennan classifica o Daesh de “um inimigo perigoso”, mas destaca o progresso da coalizão antiterrorista, liderada pelos EUA. Segundo ele, “o grupo continua distante da realização dos objetivos anunciados durante a proclamação do califado, há dois anos”. 

    O diretor da CIA disse que o fluxo financeiro do Daesh também sofreu uma redução. Apesar disso, o grupo ainda recebe dezenas de milhões de dólares mensalmente da população de áreas controladas pelos terroristas e da venda do petróleo.

    “Infelizmente, todos os nossos sucessos no combate com o Estado Islâmico não reduziram as possibilidades do grupo de realizar atentados terroristas em todo o mundo”, conclui Brennan.

    Mais:

    Militantes de Daesh prometem fazer explodir pirâmides egípcias
    Ex-militantes do Daesh pedem ajuda de retorno a países ocidentais
    Opinião: Europa não é capaz de resistir à ameaça do Daesh
    Sangue fresco: Daesh treina mulheres para realizar atentados no Ocidente
    França é principal alvo do Daesh, diz primeiro-ministro
    Tags:
    terrorismo, Daesh, CIA, John Brennan, Ocidente, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar