07:39 25 Setembro 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    17137
    Nos siga no

    O craque argentino Diego Maradona pediu desculpas pelas ações do seu país em relação ao regime de Nicolás Maduro.

    “Peço perdão ao povo venezuelano pela posição da Argentina na OEA (Organização dos Estados Americanos — red.). Pela primeira vez, sinto vergonha de ser argentino. Maduro, seguimos sendo irmãos, viva Venezuela!”, escreveu Maradona em seu mural no Facebook.

    Nesta semana, a ministra de Relações Exteriores da Argentina, Susana Malcorra, anunciou na OEA a posição do seu país, que decidiu se abster da votação sobre sanções contra Caracas e, ao mesmo tempo, recusou apoio ao governo de Venezuela. O conselho permanente da OEA, ao final da reunião extraordinária para discutir a situação política na Venezuela, aprovou uma declaração que pedia diálogo entre o governo venezuelano e a oposição.

    Mais:

    Ex-embaixador da Venezuela acusa presidente da OEA de ser mordomo dos EUA
    Sessão da OEA é suspensa a pedido da Venezuela
    OEA ameaça Venezuela de suspensão
    Maduro chama a mobilização contra 'intervencionismo' da OEA
    Tags:
    Organização dos Estados Americanos (OEA), Susana Malcorra, Nicolás Maduro, Diego Maradona, Venezuela, Argentina
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar