13:10 11 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    Militantes da Frente al-Nusra

    Rússia: Frente al-Nusra tenta sabotar o processo de paz na Síria

    © AFP 2017/ Fadi al-Halabi / AMC
    Mundo
    URL curta
    311

    A escalação do conflito na Síria está relacionada com a tentativa da Frente al-Nusra e de seus grupos aliados de sabotar o processo de paz, declarou chefe do centro russo para a reconciliação síria, Sergei Kuralenko.

    "A escalação do conflito em diversas regiões da Síria, antes de tudo, está relacionada com a tentativa dos líderes da Frente al-Nusra e dos seus grupos aliados de sabotar o processo de paz. A sequência de ataques terroristas nas cidades de Tartus e Jableh, nos quais morreram mais de 100 pessoas, confirmam isso", disse o militar russo.

    Segundo Kuralenko, os líderes da Frente al-Nusra na região de Aleppo estão formando um grupo com mais de 6 mil combatentes para bloquear as tropas governamentais.

    O regime de cessar-fogo na Síria entrou em vigor no dia 27 de fevereiro. O cessar-fogo não se estende ao Daesh e à Frente al-Nusra, bem como a outros grupos considerados como terroristas pelo Conselho de Segurança da ONU.

    Mais:

    Observadores russos relatam oito violações a cessar-fogo na Síria em 24h
    Homem-bomba deixa cinco mortos na cidade síria de Qamishli
    Rússia atacará unilateralmente grupos que não respeitarem cessar-fogo na Síria
    ONU pediu coordenação no combate ao terrorismo na Síria
    Tags:
    Frente al-Nusra, ONU, Sergei Kuralenko, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik