14:27 18 Julho 2019
Ouvir Rádio
    Presidente dos EUA, Barack Obama

    Obama ironiza com campanha eleitoral de Hillary Clinton

    © AP Photo / J. Scott Applewhite
    Mundo
    URL curta
    972

    Durante o seu discurso no Banquete dos Correspondentes na Casa Branca, o presidente fez uma piada dirigida a Hillary Clinton.

    O presidente americano brincou sobre as tentativas da presidenciável de captar os votos dos jovens.

    "Eu tenho que admitir que as tentativas de Hillary de apelar aos votantes jovens é um pouco parecido com um parente que acabou de se inscrever no Facebook… Cara América, conseguiu ver o meu cutucar? Está mostrando na sua página? Não tenho a certeza que uso isso corretamtne. Amor, tia Hillary’", disse.

    ​No entanto, o presidente disse que gostaria que a próxima pessoa a assumir o cargo fosse uma mulher.

    "No ano que vem neste momento outra pessoa estará aqui, neste lugar exato,  e nós só podemos imaginar quem ela será", disse Obama.

    Candidatos à presidência norte-americana Hillary Clinton do Partido Democrata e Donald Trump do Partido Republicano (foto de arquivo)
    © REUTERS / David Becker/Nancy Wiechec
    O banquete é realizado anualmente desde 1920, no último domingo de abril, e geralmente conta com a presença do presidente e do vice-presidente dos EUA.  É um evento que provoca bastantes controvérsias, já que inicialmente o seu objetivo foi "reconhecer os vencedores de prêmios, dar bolsas de estudo e ser uma noite durante a qual o presidente e imprensa poderiam estar em um ambiente amigável".

    Enquanto isso, nos últimos anos a lista de convidados inclui cada vez mais celebridades e menos jornalistas.

    Falando sobre Obama e Clinton, cabe mencionar que os dois políticos trabalharam juntos entre anos 2009 e 2013, quando Hillary estava no cargo de secretária de Estado, e a sua ação mais controversa foi a Intervenção militar na Líbia em 2011 – Obama recentemente admitiu que esta foi o erro mais grave da sua presidência e que Clinton na altura estava exigindo começar os bombardeios.

    Tags:
    campanha presidencial nos EUA 2016, Hillary Clinton, Barack Obama, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar