00:26 04 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    0 11
    Nos siga no

    O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, disse nesta quinta-feira esperar que o seu país alcance a meta de receber 10 mil refugiados até o final deste ano, apesar das preocupações da oposição quanto às implicações para a segurança nacional.

    Com a Europa lutando contra o fluxo de imigrantes sírios que deixam a sua terra natal para fugir da guerra, a administração Obama prometeu admitir 10 mil desses refugiados durante o ano fiscal de 2016, que termina em 30 de setembro. Mas, no último dia de março, o Departamento de Estado revelou que os EUA só tinham concedido abrigo para 1.285 cidadãos da Síria até aquele momento.

    "Nós vamos continuar pressionando", afirmou o chefe de Estado americano ao ser questionado sobre a chance de a meta ser atingida. 

    Para cumprir a sua promessa, o presidente dos Estados Unidos terá que encarar uma forte resistência por parte dos republicanos, para quem uma abertura maior das fronteiras para os refugiados pode significar a admissão também de militantes extremistas disfarçados no país. 

    Mais:

    Militares turcos continuam matando refugiados na fronteira com a Síria
    Turquia recebeu 2,7 milhões de refugiados sírios em seu território
    Representante do ACNUR cita Brasil como exemplo no tratamento dos refugiados sírios
    Tags:
    republicanos, imigrantes, refugiados, Barack Obama, Síria, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar