12:25 12 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Keiko Fujimori, candidata à presidência do Peru

    Boca de urna indica que eleições presidenciais no Peru terão segundo turno

    © REUTERS / Mariana Bazo
    Mundo
    URL curta
    111
    Nos siga no

    A filha do ex-presidente Alberto Fujimori (1990-2000), Keiko Fujimori, continua liderando as eleições presidenciais do Peru. Com 82% das urnas apuradas, ela tem 39,55% dos votos, informa a Agência Brasil.

    O economista Pedro Pablo Kuczynski aparece em segundo lugar com 22,11% dos votos, seguido por Veronika Mendonza, com 18,27%.

    Pelo que tudo indica, Fujimori dificilmente conseguirá alcançar 50% dos votos. Assim, ela deve enfrentar Kuczynsk no segundo turno, marcado para 5 de junho.

    O pleito para eleger o presidente e os dois vice-presidentes da República do Peru foi realizado no domingo (10). 23 milhões de peruanos foram chamados às urnas após uma polêmica campanha eleitoral marcada por acusações de compra de votos, desqualificações de candidatos e ataques atribuídos à antiga guerrilha maoísta Sendero Luminoso.

    Dos 19 candidatos que iniciaram a corrida presidencial, nove desistiram ou foram expulsos durante o processo, em parte devido a uma nova lei de partidos políticos que proíbe, sob pena de exclusão, o financiamento ilegal de campanha.

    Apesar de liderar a votação, a candidatura de Keiko vem enfrentando altos índices de rejeição e cada vez mais resistência dos movimentos sociais do país, que têm organizado protestos e manifestações. Na terça-feira passada, 5, por exemplo, milhares de manifestantes tomaram as ruas de Lima e de outras cidades peruanas protestando contra a permanência da candidata na disputa.

    Tags:
    segundo turno, boca de urna, eleições, Keiko Fujimori, Peru
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar