06:06 21 Novembro 2018
Ouvir Rádio
    Forças de segurança na cidade de Monterrey, no México, onde, segundo a imprensa local, pelo menos 30 pessoas morreram em um motim na prisão de Topo Chico

    Inferno em Monterrey: Motim deixa mais de 50 mortos em prisão no México

    © AFP 2018 / Francisco Cobos
    Mundo
    URL curta
    0 01

    Um incêndio gerado por um motim na prisão de Topo Chico, na cidade mexicana de Monterrey, deixou pelo menos 50 mortos e 70 feridos, entre guardas e presidiários, segundo relatos da mídia local.

    ​Além do incêndio, que formou uma grande nuvem de fumaça no local, testemunhas afirmam ter ouvido várias rajadas de tiros dentro da prisão, de acordo com o portal de notícias Zócalo.

    ​Segundo o site SDPnoticias, a rebelião começou por volta de meia noite e meia, no horário local (4h30 no horário de Brasília) da madrugada desta quinta-feira (11).

    Relatos não oficiais indicam que o tumulto foi iniciado por um grupo de prisioneiros com o objetivo de facilitar a fuga de supostos líderes criminosos.

    ​De acordo com o Zócalo, fontes próximas à investigação disseram que a violência foi desencadeada por uma briga entre detentos. Até o momento, não houve declarações oficiais sobre o incidente.

    Mais:

    'Narcoturismo’ ganha mercado do México à Argentina
    Caravanas pelos 43 estudantes desaparecidos de Ayotzinapa cruzam o México por justiça
    México pretende interrogar ator Sean Penn por este ter entrevistado ‘EL Chapo’
    Tags:
    mortos, incêndio, rebelião, motim, prisão, Topo Chico, México, Monterrey
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik