11:22 20 Janeiro 2018
Ouvir Rádio
    A Terra vista da Estação Espacial Internacional

    Cosmonautas russos usam novos métodos de conserto espacial, Europa agradece

    © Foto: NASA
    Mundo
    URL curta
    13182

    A Agência Espacial Europeia (ESA) agradeceu aos cosmonautas russos por realizar experimentos no espaço aberto.

    “Agradecemos a Sergei Volkov e Yuri Malenchenko pela atividade extraveicular e fornecimento do contêiner com amostras à Estação Espacial Internacional (EEI)”, diz-se no Twitter da organização.

    O site da ESA detalha que os cosmonautas russos forneceram 46 espécies de microrganismos e mais de 150 compostos orgânicos que foram fixos na parte exterior do módulo Zvezda.

    As amostras serão transferidas à Terra para serem estudadas. Nota-se que o experimento pode ajudar na procura da vida extraterrestre: a análise química deixa entender como moléculas reagem à “viagem” ao espaço. Os organismos passaram 18 meses nas duras condições do espaço.

    Durante a atividade extraveicular, Sergei Volkov e Yuri Malenchenko testaram novas tecnologias de conserto para restabelecer o isolante térmico. Eles também usaram novos métodos de busca de pontos não herméticos e controle da superfície exterior da EEI.

    Para aliviar futuras saídas ao espaço aberto, os cosmonautas russos colocaram corrimões brandos e nos finais dos trabalhos tiraram fotografias do segmento russo da EEI.

    Para Yury Malenchenko esta foi já a sexta atividade extraveicular, para Sergei Volkov, foi a quarta.

    Mais:

    Explore o planeta anão Ceres em voo fascinante!
    'Nova economia espacial': Luxemburgo lança programa de mineração em asteroides
    Colonização de Marte é possível em menos de 10 anos
    Tags:
    Estação Espacial Internacional (EEI), Agência Espacial Europeia (ESA), Rússia, Espaço
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik