01:23 23 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    A400M alemão na base aérea de Jagel, no norte da Alemanha, em 10 de dezembro de 2015

    Turquia pede que Berlim aumente envolvimento militar na Síria

    © AFP 2017/ CARMEN JASPERSEN
    Mundo
    URL curta
    171747023

    O vice-primeiro-ministro turco, Mehmet Simsek, pediu maior envolvimento das forças armadas da Alemanha na Síria. Caso contrário, o fluxo de refugiados para a Europa pode se tornar ainda pior, afirmou o político ao jornal alemão Die Welt.

    De acordo com Simsek, as forças armadas alemãs deveriam aumentar seu envolvimento na Síria para eliminar o terrorismo e impedir ataques semelhantes ao que ocorreu recentemente em Istambul.

    O político argumenta que o caos na Síria, provocado pela recusa do atual regime a promover reformas democráticas, é a causa do terrorismo. Durante a entrevista, Simsek afirmou que a renúncia do atual presidente, Bashar Assad, é um pré-requisito para a paz na Síria.

    “Se a Alemanha e outros querem interromper o fluxo de refugiados, devem parar os bombardeios das forças russas e sírias contra a oposição síria”, disse Simsek ao Die Welt.

    Autoridades turcas vêm sendo criticadas sistematicamente pelo Ocidente por sua participação insuficiente na luta contra o terrorismo e pela concentração de seus esforços na luta contra os rebeldes curdos.

    “O Daesh representa para nós o maior perigo”, disse o vice-primeiro-ministro. “Vivemos na vizinhança imediata e constantemente encaramos a ameaça de ataques terroristas”, declarou.

    Anteriormente, o jornal alemão  Deutsche Wirtschafts Nachrichten (DWN) relatou que após o misterioso ataque recente a Istambul, a Turquia alegava ter iniciado uma grande ofensiva no Iraque e na Síria.

    Uma explosão no centro histórico de Istambul deixou pelo menos dez mortos e 17 feridos. Entre as vítimas estavam pelo menos dez cidadãos alemães.

    Mais:

    Turquia prende acadêmicos que assinaram um manifesto de paz em apoio aos curdos
    Chanceler da Áustria: Turquia exerce influência perigosa sobre União Europeia
    Exclusivo: russo preso na Turquia transportava pessoas para o Daesh
    Davutoglu: Homem-bomba de Istambul entrou na Turquia como refugiado
    Guia de turismo salvou várias pessoas durante atentado na Turquia
    Turquia detém três russos por suposto envolvimento em ataque terrorista
    Tags:
    envolvimento, militar, atentado, terrorismo, Daesh, DWN, Die Welt, Mehmet Simsek, Turquia, Alemanha
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik