03:14 19 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Duas bandeiras nacionais da Síria e os funcionários do governo incepcionando os danos na cidade de Homs, Síria

    Autoridades sírias confirmam participação nas negociações em Genebra

    © AP Photo
    Mundo
    URL curta
    4221
    Nos siga no

    O chanceler sírio declarou que, no âmbito dos preparativos para as negociações, o governo quer receber a lista das organizações consideradas terroristas.

    Além disso, de acordo com o ministro do Exterior da Síria, Walid Muallem, é preciso criar a lista de representantes da oposição síria que participarão nas negociações.

    As respetivas informações foram divulgadas no âmbito da conversa telefônica entre Muallem e o mediador da Organização das Nações Unidas (ONU) para a Síria, Staffan de Mistura, cita a Reuters.

    As negociações em questão são previstos para 25 de janeiro e visam procurar uma solução para a situação grave na Síria.

    Até essa data, Staffan de Mistura deve acabar com as consultas com todos as participantes das negociações.

    As cidades de Moscou (Rússia) e Genebra (Suíça) já hospedaram várias rondas destas conversações, algumas das quais contaram com a participação da oposição síria.

    A Síria vive desde 2011 em estado da guerra permanente e, segundo os dados da ONU, já perdeu mais de 230 mil pessoas. As tropas do governo sírio combatem vários grupos rebeldes e organizações militares, bem como grupos terroristas, inclusive o Daesh e a Frente al-Nusra, ambos proibidos na Rússia.

    Tags:
    negociações de paz, ONU, Walid Muallem, Staffan de Mistura, Genebra, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar