06:28 21 Novembro 2018
Ouvir Rádio
    Soldados do exército sírio no monte Fátima, na província de Deraa, em março de 2015. Foto de arquivo

    Síria abre nova frente de combate ao terrorismo

    © AFP 2018 /
    Mundo
    URL curta
    3421

    Informações obtidas nesta terça-feira (1) confirmam que o exército da Síria tomou alturas estratégicas na província de Daraa, no Sudoeste do país.

    De acordo com a agência de notícias iraniana Fars, o exército, atuando conjuntamente com as Forças Nacionais de Defesa, conseguiu tomar a montanha de Koum Aqre, perto das cidades de Kufer Shamis e al-Sheikh Maskin, que antes tinha sido controlada pela Frente al-Nusra, grupo terrorista proibido na Rússia e em outros países.

    Dezenas de jihadistas teriam sido mortos durante o combate.

    Segundo a agência, a reconquista de Koum Aqre marca a abertura de nova frente contra os terroristas na parte ocidental da Síria.

    Na semana passada, as forças do governo conseguiram restaurar o controle sobre a aldeia de Khirbat Kom Maqaraq, considerada estratégica nesta região do país.

    Já em 19 de novembro, a operação antiterrorista do exército sírio em Daraa se viu intensificada.

    As forças armadas leais ao governo sírio têm que combater diversos grupos armados. Além dos jihadistas da Frente al-Nusra, Daesh, também conhecido como Estado Islâmico (ambos os grupos terroristas são proibidos na Rússia e em uma série de outros países) e outros grupos de tendência islamista, no país existem grupos de oposição armada, um dos quais é o Exército Livre da Síria.

    Em 30 de setembro, a Rússia enviou a sua Força Aeroespacial (antiga Força Aérea) à Síria, após o pedido correspondente de Damasco ter sido aprovado pela câmara alta do parlamento russo. Moscou tem repetidamente frisado que não iria lançar uma operação terrestre no país sem o respectivo pedido das autoridades do país.

    Tags:
    Frente al-Nusra, Daraa, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik