10:01 01 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    Aviação russa combate terrorismo na Síria (111)
    38825
    Nos siga no

    Combatentes do Estado Islâmico estão fugindo da fortaleza do grupo terrorista em Raqqa após a intensificação dos ataques aéreos de Rússia e França, relatou a imprensa russa nesta quarta-feira.

    Alguns terroristas abandonaram seus postos e estão fugindo na direção de fronteira com a Turquia, enquanto outros estão escondidos em prédios civis, publicou a agência russa RIA Novosti, citando relatos de testemunhas locais.

    Em Tel-Abyad, uma cidade localizada 100 quilômetros ao norte de Raqqa, combatentes do EI abandonaram suas fortificações sob pressão de forças curdas.

    O grupo Estado Islâmico vem sofrendo pressão adicional após assumir a autoria do atentado a bomba contra um avião russo no Egito e dos ataques da última sexta-feira, em Paris, que deixaram mais de 120 mortos.

    Nesta terça-feira, a Rússia revelou haver dobrado a escala de seus ataques na Síria. O país usou 37 novas aeronaves para liderar ataques aéreos após a confirmação de que a queda do A321 foi causada por um atentado terrorista. Um braço egípcio do Estado Islâmico já havia assumido a autoria do atentado que deixou 224 mortos.

    Desde então, a Rússia executou 34 ataques usando mísseis de cruzeiro e usou os bombardeiros de longo alcance Tu-160, Tu-95 e Tu-22, que decolaram de suas bases rumo a Raqqa e outros alvos.

    A França, por sua vez, bombardeou Raqqa na noite de domingo. Foi o ataque mais agressivo do país contra o Estado Islâmico e destruiu um posto de comando e uma instalação de treinamento controlada pelos terroristas.

    Tema:
    Aviação russa combate terrorismo na Síria (111)

    Mais:

    Assad: Vladimir Putin é o único defensor da civilização cristã em quem se pode confiar
    Bombardeiros Tu-160 usam novos mísseis de cruzeiro para combater Estado Islâmico
    Navios russos vão garantir segurança de porta-aviões francês contra o Estado Islâmico
    Rússia pode ter usado na Síria míssil nunca antes mostrado (VÍDEO)
    Lavrov: morte de russos a bordo do A321 é equivalente a ataque ao país
    Tags:
    atentado, autoria, terrorismo, ataque aéreo, fuga, A321, Tu-95, Tu-22, Tu-160, Estado Islâmico, França, Síria, Raqqa, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar