23:08 19 Fevereiro 2018
Ouvir Rádio
    Caças franceses Rafale

    Aviação francesa lança grande ataque aéreo contra Estado Islâmico na Síria

    © AP Photo/ French Army
    Mundo
    URL curta
    Capital francesa sofre pior atentado da história (68)
    901348

    A aviação francesa realizou, neste domingo, um grande ataque aéreo contra posições do grupo militante Estado Islâmico na Síria, informou o Ministério da Defesa do país.

    Segundo o comunicado do ministério, um centro de comando e um campo de treinamento foram destruídos no ataque à região de Raqqa.

    “Os primeiros alvos destruídos foram um centro de comando, um centro de preparação de jihadistas e um depósito de munição. Depois, atingimos um campo de treinamento para terroristas”, diz o comunicado.

    Segundo o ministério, dez caças foram utilizados na operação. A França faz parte de uma coalizão internacional liderada pelos EUA que luta contra o Estado Islâmico no Iraque e na Síria.

    Os ataques acontecem dois dias depois da maior série de atentados terroristas em solo francês. Na noite de sexta-feira, integrantes do Estado Islâmico abriram fogo em um restaurante; detonaram três bombas perto do Stade de France, onde França e Alemanha disputavam uma partida amistosa de futebol; e tomaram reféns na casa de shows Bataclan. Mais de 120 pessoas morreram.

    Na terça-feira anterior (dia 10 de novembro), a Força Aérea da França realizou um ataque contra instalações petrolíferas do grupo terrorista Estado Islâmico na Síria.

    Em setembro, a França já havia realizado ataques aéreos contra o grupo terrorista, também na Síria. O primeiro-ministro francês, Manuel Valls, comentou na ocasião que os ataques foram realizados "com fins de autodefesa". Neste sábado, após os atentados em Paris, o mesmo Valls afirmou que o país está em guerra contra os terroristas.

    Desde março de 2011,a Síria está envolvida em uma guerra civil, com as forças do governando combatendo vários grupos de oposição — inclusive terroristas como o Estado Islâmico e a Frente Nusra. O conflito já causou mais de 250 mil mortes, segundo estimativas da ONU.

     

    Tema:
    Capital francesa sofre pior atentado da história (68)

    Mais:

    Explosões na Praça da República de Paris deixam população em pânico
    Europa lança caçada a oitavo terrorista em fuga após ataques em Paris
    Horas antes dos ataques em Paris, Obama disse que o Estado Islâmico ’foi contido’
    Dois terroristas de Paris eram adolescentes
    Número de mortes em Paris chega a 129; já são 352 feridos
    Paris: passaporte encontrado em local de ataque pertencia a refugiado
    Tags:
    guerra civil, guerra, atentados, terrorismo, ataque aéreo, Stade de France, Bataclan, Força Aérea da França, Frente Nusra, Estado Islâmico, Ministério da Defesa (França), Bashar Assad, Manuel Valls, Síria, França
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik