13:54 19 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Helicópteros russos Mi-35

    Helicópteros russos Mi-35 fazem sucesso no Dubai Airshow 2015

    © Sputnik/ Kirill Kallinikov
    Mundo
    URL curta
    22878181

    A delegação russa no salão internacional Dubai Airshow 2015 relatou particular interesse no helicóptero de combate Mi-35, especialmente por parte das delegações do Bahrein e do Paquistão.

    Representantes da corporação estatal Rostec em Dubai disseram à Sputnik que haviam chegado a um acordo com a Força Aérea Paquistanesa para a entrega de várias unidades do modelo.

    "Nós assinamos um contrato com o Paquistão para o Mi-35; as entregas começarão no próximo ano", relatou Sergei Chemezov, diretor-geral da Rostec.

    Além do acordo com o Paquistão, segundo ele, a Força Aérea do Bahrein também manifestou forte interesse no Mi-35, versão de exportação do helicóptero russo Mi-24, que atualmente está em serviço nas forças aéreas de mais de 30 nações, incluindo Brasil, Índia e Venezuela.

    O helicóptero de ataque é equipado com mísseis antitanque guiados e foguetes não guiados, e também pode ser usado para transportar até oito paraquedistas com equipamento, ou carga militar.

    "A delegação da Força Aérea do Bahrein visitou o stand da Rosoboronexport [divisão da Rostec exportadora de armas], onde eles expressaram interesse no Mi-35", disse um representante da delegação russa à Sputnik nesta segunda-feira (9).

    "Eles receberam uma consulta exaustiva sobre as características técnicas e o uso militar do helicóptero. Em geral, os representantes do Bahrein expressaram o desejo de prosseguir com as negociações em uma data posterior", informou a fonte.

    As discussões em Dubai sucedem um acordo entre Rússia e Bahrein assinado em maio deste ano para reforçar a cooperação técnica e militar entre os dois países.

    Em julho, uma delegação do Bahrein visitou a Rússia para observar a competição internacional de aviação militar Aviadarts 2015, que contou com helicópteros Mi-35, Mi-8 e KA-52, bem como com nove aviões de combate, incluindo o Su-27 e o Su-34.

    No domingo (8), o chefe do comitê de defesa e segurança do parlamento iraquiano, Hakim al Zamili, anunciou que a Força Aérea Iraquiana recebeu uma remessa de helicópteros russos Mi-28 e Mi-35, como parte de um contrato de venda de equipamentos militares assinado em 2012 e avaliado em US$ 4,2 bilhões.

    "Eles [os helicópteros russos] vão ajudar o Iraque a ganhar vantagem na luta contra grupos terroristas", disse al Zamili, acrescentando que o Iraque também espera adicionar tanques russos, veículos de transporte blindados e o sistema de mísseis antitanque Kornet ao seu arsenal.

    A Rostec foi instituída na Rússia no final de 2007 com o objetivo de promover o desenvolvimento, a produção e a exportação de produtos de alta tecnologia. Atuando nos setores civil e militar, a corporação dirigida por Sergei Chemezov exporta atualmente para mais de 70 países.

    Mais:

    Helicópteros russos procuram submarinos no Mar Mediterrâneo
    Empresa russa apresenta helicópteros para África e Oriente Médio
    Egito vai comprar helicópteros russos para seus Mistrais
    Tags:
    contrato, exportações, armas, tecnologia, mísseis, tanques, terroristas, Força Aérea, caças russos, aviões, helicópteros, Kornet, Mi-28, Su-34, Su-27, Ka-52, Mi-8, Mi-24, Mi-35, Aviadarts, Dubai Airshow 2015, Rosoboronexport, Rostec, Sergei Chemezov, Brasil, Bahrein, Dubai, Paquistão, Iraque, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik