21:46 12 Abril 2021
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    8481
    Nos siga no

    A embaixada da Ucrânia na Grã-Bretanha ficou indignada com a editora britânica Oxford University Press, que lançou uma nova edição do seu atlas mundial para 2016 em que o território da península da Crimeia aparece como parte da Rússia.

    O fato, classificado pela chancelaria ucraniana como um erro, foi exposto em uma nota publicada pela embaixada em sua conta oficial no Twitter.

    "Os livros da editora Oxford induzem os alunos ao engano. A missão diplomática exorta a OUPAcademic a corrigir o erro" – diz a nota.

    Vladimir Putin, presidente da Rússia
    © REUTERS / Alexander Zemlianichenko
    Não faz muito tempo, a edição francesa Larousse lançou igualmente uma nova versão de seu atlas mundial, em que a Crimeia também aparece pintada na mesma cor do território continental da Rússia.

    Em fevereiro de 2014 um golpe de Estado em Kiev promoveu a troca de poder na Ucrânia. Preocupada com a política das novas autoridades do país, e questionando a sua legitimidade, em março daquele ano a população da Crimeia realizou um refendo no qual mais de 96 por cento dos habitantes da península apoiaram a sua reintegração com a Rússia. O Ocidente chamou a votação de "anexação". Moscou, por sua vez, garante que o referendo se deu em pela conformidade com todas as normas do direito internacional.

    Tags:
    mapa, atlas, península, Larousse, Oxford University Press, Grã-Bretanha, Ucrânia, Rússia, Crimeia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar