22:17 22 Agosto 2019
Ouvir Rádio
    Ban Ki-moon abre a 70 sessão da Assembleia Geral da ONU

    Acompanhe ao vivo a 70ª Assembleia Geral da ONU

    © AFP 2019 / TIMOTHY A. CLARY
    Mundo
    URL curta
    70ª Assembleia Geral da ONU (47)
    143

    A presidente do Brasil, Dilma Rousseff, começará em breve o seu discurso na 70ª Assembleia Geral da ONU, inaugurada por Ban Ki-moon, secretário-geral da organização.

    Ordenar as mensagens
    • 06:00

      Obama termina seu discurso na 70 Assembleia Geral da ONU.

    • 06:00

      Obama: "a história mostra que os regimes que temem seu próprio povo vão desmoronar"

      Obama critica líderes que mudam constituições para permanecer no cargo e observa: "Nenhum de nós fica para sempre."

    • 05:54

      "A democracia dos EUA pode ser imperfeita", admite Obama: "Pode haver falhas"

    • 05:52

      "Tem que haver uma transição de poder a partir de Assad para um novo líder. Isso permitirá o povo sírio para recuperar. Parte da solução é combater a ideologia venenosa do Estado Islâmico, diz ele, o que faz o Islã parecer com terrorismo", diz Barack Obama.

      Vladimir Putin, o presidente da Federação Russa

      Putin: EUA armam combatentes para Estado Islâmico

      Às vésperas de participar da 70ª sessão da Assembleia-Geral da ONU, em Nova York, o presidente da Rússia, Vladimir Putin, concedeu uma entrevista ao jornalista norte-americano Charlie Rose para o canais de televisão CBS e PBS.
      Mostrar mais
    • 05:41

      Obama lembra as "lições da Líbia"

    • 05:35

      Os ucranianos têm mais interesse em estar com a Europa do que com a Rússia, acha o presidente dos EUA

      "Seria bom para a Ucrânia e para a Rússia... e para o mundo", afirma Obama, continuando que os EUA querem uma "Rússia forte" para "cooperar com ela".

      A bandeira nacional da Ucrânia na fronteira russo-ucraniana

      Mídia ocidental: Ucrânia se prejudica

      Proibindo voos das companhias aéreas russas para a Ucrânia, o país agrava o conflito que já dura há mais de um ano, diz o jornal The Washington Post.
      Mostrar mais
    • 05:33

      Obama elogia os "princípios internacionais" que têm ajudado os países maiores a pararem de "impor a sua vontade sobre os menores".

      Ele observa, porém, que a marcha do "progresso humano nunca foi em uma linha direta".

      Obama sublinha a necessidade de cooperação mundial, inclusive com o Irã, que claramente fica na situação grave social e econômica por (segundo Obama) criar ameaças à segurança dos Estados Unidos.

    • 05:30

      Obama: "Os acontecimentos dos últimos 20 anos mostram que regimes ditatoriais não duram"

    • 05:28

      Obama declarou que chefia o exército mais forte no mundo, e não irá hesitar quando for necessário proteger o seu povo.

    • 05:28

      "No Iraque, os EUA aprenderam uma lição ágria" - Obama

    • 05:27

      Nenhuma nação desta assembleia pode se isolar do perigo do terrorismo, previne Barack Obama

    • 05:25

      Obama polemiza sobre se o governo sírio de Bashar Assad deve participar do combate ao Estado Islâmico

    • 05:23

      "Vemos a erosão das liberdades e dos direitos democráticos" - Obama

      Barack Obama, presidente dos Estados Unidos (EUA)
      © AP Photo / Gerald Herbert
    • 05:22

      "Como devemos responder a essas ameaças?", pergunta Obama

    • 05:19

      Barack Obama, o presidente dos EUA, tem a palavra

    • 05:16

      Dilma terminou o seu discurso, com um forte aplauso da sala

    • 05:15

      Dilma: os murais da sede da ONU, pintados pelo artista braseiro Portinari, guardam uma mensagem atual ainda hoje

      "Trabalhar até que os anseios da paza passem a ser atendidos", adverte Dilma.

    • 05:14

      Dilma cita o ex-presidente do Uruguai José Mujica: "Esta democracia não é perfeita, porque nós não somos perfeitos. Mas temos que defendê-la para melhorá-la, não para sepultá-la"

    • 05:13

      "O governo e sociedade brasileiros não toleram e não tolerarão a corrupção"

    • 05:11

      A democracia braisleira se fortalece e não permitirá corrupção, ressalta Dilma Rousseff

    • 05:10

      A presidente Rousseff sublinhou que no entanto o Brasil não tem problemas estruturais graves na economia, mas tendo em conta a crise econômica mundial já realiza uma série de medidas para prevenir consequências graves dela

      Ministro da Fazenda, Joaquim Levy

      Joaquim Levy diz a empresários que economia brasileira está se reestabilizando

      O ministro da Fazenda, Joaquim Levy, participou nesta sexta-feira (14) de um evento com empresários na Câmara de Comércio Americana, em São Paulo, e afirmou que a economia brasileira está se reequilibrando.
      Mostrar mais
    • 05:09

      O esforço para superar a pobresa deve ser global, adverte Dilma Rousseff

    • 05:06

      Desde 2003, políticas sociais contribuíram para que uma parte considerável dos brasileiros saíssem da pobreza extrema, lembra Dilma

      Brasil saiu no ano passado do mapa mundial da fome, diz a presidente.

      Agricultura na África

      Em Moscou, Brasil mostrará aos BRICS como combater fome

      Em 10 e 11 de setembro Moscou sediará o Fórum Global sobre Questões de Realização de Programas de Apoio Social na Área de Segurança Alimentar e Nutrição: Rumo a Parcerias sobre o Desenvolvimento, diz-se no site oficial da representação da Rússia nos BRICS.
      Mostrar mais
    • 05:04

      Dilma destaca a ação do governo de reduzir o desmatamento no Brasil e prevê o fim do desmatamento ilegal, com recuperação de pastagens degradadas.

    • 05:01

      Terceiro aplauso da sala para Dilma!

    • 04:59

      Dilma critica a expansão dos assentamentos israelenses no solo palestino, ganhando outro forte aplauso.

    • 04:58

      Recebemos gente de todo o mundo, inclusive os europeus. "Estamos de braços abertos para receber refugiados", diz Dilma, ganhando uma ovação potente

      Dilma Rousseff

      Dilma: Brasil está de braços abertos aos refugiados sírios

      A presidente do Brasil, Dilma Rousseff, aproveitou o seu discurso no Dia da Independência do país para enviar uma mensagem de apoio e solidariedade aos refugiados sírios.
      Mostrar mais
    • 04:56

      A multiplicação de conflitos regionais e a expansão do terrorismo mostra que a ONU "está adiante de um grande desafio", diz Dilma Rousseff

    • 04:55

      Temas como desafios urbanos, a questão do gênero, as quetões de raça ganharam prioridade - Dilma

    • 04:54

      "Minhas primeiras palavras são de congratulações pela sua escolkha de presidir esta sessão", diz Dilma a Morgen Lykketoft

    • 04:52

      A presidente do Brasil, Dilma Rousseff, começa o seu discurso no âmbito do debate geral da 70ª sessão de Assembleia Geral da ONU. É a primeira participante da sessão.

    • 04:50

      A presidente do Brasil, Dilma Rousseff, será a primeira, depois de Ban Ki-moon e Mogens Lykketoft, a fazer discurso na 70 Assembleia Geral da ONU

      O limite de cada discurso é de 15 minutos.

      Confira a lista dos oradores, divulgada pela ONU:

      1. Secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon

      2. Presidente da Assambleia Geral da ONU, Mogens Lykketoft

      3. Presidente do Brasil, Dilma Rousseff

      4. Presidente dos EUA, Barack Obama

      5. Presidente da Polônia, Andrzej Duda

      6. Presidente da China, Xi Jinping

      7. Presidente da Jordânia, Abdullah II Ibn al Hussein

      8. Presidente da Rússia, Vladimir Putin

      9. Presidente da Coreia do Sul, Park Geun-hye

      10. Presidente do Irã, Hassan Rouhani

      11. Presidente da França, François Hollande

      12. Amir do Qatar, Sheikh Tamim Bin Hamad Al-Thani

      13. Presidente de Moçambique, Filipe Jacinto Nyusi

      14. Rei de Países Baixos, Willem-Alexander

      15. Presidente de Cazaquistão, Nursultan Nazarbayev

      16. Presidente do México, Enrique Peña Nieto

      17. Presidente de Portugal, Aníbal António Cavaco Silva

      18. Primeiro-ministro da Dinamarca, Lars Rasmussen

      19. Primeiro-ministro da Etiópia, Hailemariam Dessalegn

    • 04:47

      O presidente da 70 Assembleia Geral da ONU, Mogens Lykketoft, inaugura o evento com um discurso dedicado aos esforços comuns contra a radicalização do mundo

    • 04:33

      "Agora somos mais unidos do que nunca", exclama o secretário-geral das Nações Unidas

    • 04:31

      É preciso promover o papel das mulheres na promoção da paz, diz Ban Ki-moon

    • 04:26

      Ban Ki-moon inaugura a sessão da Assembleia Geral das Nações Unidas

      Em seu discurso de inauguração da 70 Assembleia Geral da ONU, o secretário geral comenta os assuntos essenciais do mundo contemporâneo, como a crise dos imigrantes, a intervenção militar no Iêmen, o conflito na Síria, os confrontos entre Israel e Palestina e outros.

      Nomeadamente, Ban Ki-moon apelou as partes dos conflitos a buscarem diálogo pacífico, insistindo que "não existe uma via militar de solucionar conflitos".

    Ao vivo
    Acompanhe ao vivo a 70ª Assembleia Geral da ONU
    +
    Tema:
    70ª Assembleia Geral da ONU (47)
    Tags:
    ONU, Ban Ki-moon, Dilma Rousseff
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar