16:00 24 Setembro 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    70ª Assembleia Geral da ONU (47)
    9341
    Nos siga no

    Falando na 70ª sessão da Assembleia Geral da ONU o chanceler russo, Sergei Lavrov, abordou os atuais problemas econômicos dos países em desenvolvimento, bem como manifestou a prontidão da Rússia em continuar os ajudando.

    Sergei Lavrov chamou a atenção da comunidade internacional aos países que ainda não conseguem superar as dificuldades que impedem o seu desenvolvimento:

    “… a superação dos desafios para o desenvolvimento, aos quais se juntam muitas vezes a instabilidade política, discriminação, restrições, e [os países] precisam do apoio internacional de grande escala”.

    O chanceler russo reiterou a vontade da Rússia de ajudar os países em necessidade:

    “A ajuda russa é dirigida à resolução dos problemas mais urgentes que enfrentam países que a necessitam. Ao mesmo tempo, nós não tentamos ensinar os parceiros como eles devem construir a sua vida, não impomos modelos e valores políticos”.

    Além disso, o chefe da diplomacia russa sublinhou a participação russa na formação de um mundo multipolar, dizendo que a Rússia vai fortalecer a cooperação com os parceiros em tais formatos como o Grupo dos 20, BRICS, e está disposta para o dialogo no âmbito de outras estruturas informais – com certeza, respeitando o papel central coordenador da ONU.

    Sergei Lavrov assinalou que a Rússia respeita a posição da ONU no mundo, por isso não pode admitir algumas medidas unilaterais impostas sem o aval do Conselho de Segurança:

    “A prática de introdução de medidas coercivas unilaterais desafiando a Carta da ONU impede diretamente atingir alvos de desenvolvimento sustentável. Tais ações restritivas ilegais, os minando princípios de mercado nas áreas de comércio, finanças, tecnologias e investimentos devem ser cessadas, o que tem a ver com o levantamento do embargo contra Cuba, e outras sanções, introduzidas à revelia o Conselho de Segurança da ONU.”

    Durante o seu discurso o ministro das Relações Exteriores russo também dispersou dúvidas quanto às dificuldades econômicas na Rússia:

    “Apesar de condições econômicas difíceis, a Rússia continua sendo um parceiro responsável e seguro dos Estados em desenvolvimento na resolução dos problemas mais agudos.”

    Tema:
    70ª Assembleia Geral da ONU (47)

    Mais:

    Negociações entre Lavrov e Kerry: há vontade de trabalhar juntos
    Moscou anuncia encontro de Lavrov com Maduro na Venezuela
    Sergei Lavrov: EUA disseram estar prontos para cooperar com a Rússia na Síria
    Tags:
    Conselho de Segurança, BRICS, Nações Unidas, embargos, política externa, relações exteriores, discurso, ajuda financeira, sanções, Assembleia Geral da ONU, Sergei Lavrov, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar