19:53 05 Junho 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    1121
    Nos siga no

    Uma pesquisa realizada pelo Centro Levada de opinião pública da Rússia revelou que, em tempos de sanções aplicadas ao país, a maioria esmagadora dos russos prefere consumir alimentos nacionais aos importados.

    A escolha por artigos alimentícios produzidos no próprio país foi apontada por 91% dos entrevistados, sendo que apenas 6% dos participantes da pesquisa disseram dar preferência aos produtos importados.

    Já com relação a roupas e calçados, os russos se revelaram menos categóricos: 48% dos entrevistados disseram apoiar produtos nacionais, enquanto 44% revelaram preferência por importados.

    Respondendo à pergunta “Que produtos de uso diário você prefere usar?”, 32% dos russos apontaram para “produtos de marcas conhecidas com melhor relação entre preço e qualidade”, 28% disseram preferir “produtos de maior qualidade produzidos na Rússia e nos países da CEI (Comunidade dos Estados Independentes)”, e 26% confessaram escolher “os produtos mais baratos de fabricação nacional”.

    A pesquisa revelou ainda que nos últimos dois-três meses 68% dos russos têm dado cada vez maior preferência aos produtos e alimentos mais baratos da cesta básica.

    59% dos entrevistados vinculam atual alta dos preços com a queda da taxa de câmbio e a desvalorização do rublo, enquanto 49% apontam para a queda dos preços de petróleo e 29% para a troca de sanções entre a Rússia e o Ocidente.

    A pesquisa foi realizada entre os dias 21 e 24 de agosto de 2015 em 134 localidades de 43 regiões da Rússia, e contou com a participação de 1600 pessoas com mais de 18 anos de idade.

    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar