04:43 21 Outubro 2017
Ouvir Rádio
    Fronteira entre Turquia e Síria

    Turquia bombardeia posições do Estado Islâmico na Síria

    © REUTERS/ Murad Sezer
    Mundo
    URL curta
    6113294

    O governador da província de Kilis no sudeste da Turquia, Tapsyz Turk, confirmou os bombardeios que se iniciaram por parte do exército turco contra posições do Estado islâmico na Síria. Segundo ele, os ataques começaram após a confirmação da morte de um soldado turco na fronteira com a Síria.

    "Abriram fogo contra os nossos soldados no território da Síria controlado pelo Estado Islâmico. Morreu um soldado morto e dois sargentos ficaram feridos. Eles foram levados para o hospital, e seu estado é satisfatório. Atualmente, as Forças Armadas turcas realizam bombardeios contra as posições do Estado Islâmico no território sírio", disse Turk, citado pela mídia local.

    Segundo o governador, o Estado Islâmico sofreu perdas por conta dos bombardeios.

    Na última segunda-feira, houve um ataque terrorista em frente ao centro cultural Suruci, localizado na fronteira com a Síria, que matou 32 pessoas e deixou mais de 100 feridos. A bomba explodiu em frente ao Centro Cultural, onde se reuniam os curdos turcos e os membros de organizações da juventude que estavam prontos para ir para a Síria ajudar a reconstruir a cidade Kobane, afetada por ataques do Estado islâmico. 

    As autoridades turcas conferiram a responsabilidade do ataque a militantes do Estado Islâmico. 

    Segundo a informação do correspondente da agência Sputnik Türkiye, a causa dos ataques às posições do Estado Islâmico foi a tentativa de travessia ilegal de um grupo de 15 apoiadores do grupo Estado Islâmico do território turco para áreas controladas pelo Estado Islâmico na Síria. Em resposta, militantes do EI, que se encontravam na parte síria da fronteira, alvejaram o posto turco. Com isso, segundo testemunhas oculares, não foram dois soldados feridos, como comunicou o quartel-general da Turquia, mas cerca de 18 feridos. Todos foram levados para o hospital mais próximo. 


    Mais:

    Como o Estado Islâmico ameaça a Índia
    Opinião: Estado Islâmico emprega armas químicas estrangeiras
    Estado Islâmico na Síria teria ordenado o ataque frustrado à instalação militar na França
    Turquia prende 21 supostos membros do Estado Islâmico em grande operação pelo país
    Tags:
    bombardeio, Estado Islâmico, Turquia, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik