18:21 20 Junho 2018
Ouvir Rádio
    Russian cities. Yalta

    Kiev: instalações nucleares na Crimeia pertencem à Ucrânia

    © Sputnik / Taras Litvinenko
    Mundo
    URL curta
    Ucrânia em foco da política internacional (289)
    1533

    O Ministério de relações Exteriores da Ucrânia insistiu, em um comunicado publicado nesta sexta-feira, em afirmar que as instalações nucleares localizadas na península da Crimeia pertencem à Ucrânia apesar de a região ter se juntado à Rússia após referendo realizado há mais de um ano.

    O texto veio em seguida à reação russa ao relatório anual da Agência Internacional de Energia Atômica (IAEA, na sigla em inglês). Na segunda-feira, Moscou informou à diretoria da IAEA que discordava do relatório que definia as instalações nucleares da Crimeia como parte da Ucrânia.

    Na quinta-feira, o Ministério de Relações Exteriores da Rússia divulgou um comunicado reiterando que Moscou havia assumido a responsabilidade por todas instalações nucleares localizadas na península da Crimeia e que as operaria exclusivamente com fins pacíficos.

    "O Ato errado da Rússia não tem consequências legais para o status da República Autônoma da Crimeia como parte integral do território da Ucrânia… Todas instalações e materiais nucleares localizados da República Autônoma da Crimeia e na cidade de Sevastopol são propriedade da Ucrânia", diz o comunicado do Ministério ucraniano.

    A Crimeia e cidade portuária de Sevastopol passaram novamente a fazer parte da Rússia após um referendo realizado em março de 2014.

    Kiev e seus aliados do Ocidente não reconhecem os resultados do referendo, acusando a Rússia de violar a integridade territorial do país vizinho. Moscou, por sua vez, vem seguidamente afirmando que a reunificação aconteceu inteiramente de acordo com leis internacionais.

    Tema:
    Ucrânia em foco da política internacional (289)

    Mais:

    Kiev pode proibir comércio com Donbass e Crimeia
    Rússia tem o direito de implantar armas nucleares na Crimeia
    Ex-presidente da França reconhece: “a Crimeia nunca foi ucraniana”
    EUA suspendem parcialmente sanções à Crimeia
    Tags:
    instalações nucleares, Pyotr Poroshenko, Crimeia, Ucrânia, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik