02:09 18 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Ataque do Al Shabab a ministérios da Somália.

    Terroristas atacam ministérios na Somália e matam pelo menos 10 pessoas

    © AFP 2017/ Mohamed Abdiwahab
    Mundo
    URL curta
    0 9103

    Militantes do Al Shabab atacaram nesta terça-feira (14) o edifício que abriga os ministérios da Educação e do Petróleo da Somália e que fica na capital Mogadíscio. Um carro-bomba explodiu o portão principal do prédio abrindo caminho para a invasão de homens armados.

    O grupo islâmico reivindicou a autoria da ação. Pelo menos 10 pessoas morreram. O edifício, porém, foi retomado pelas forças especiais da Somália, conforme garantiu o Ministro de Segurança Interna do país, Abdirizak Omar, em sua conta no Twitter.

    No dia 2 de abril, os militantes da Al Shabab, que se confessaram fidelidade à Al-Qaeda, invadiram Garissa University College no vizinho Quênia, matando 148 pessoas, principalmente estudantes, e ferindo mais de 100 outras. Após o massacre, os extremistas alertaram sobre novas ações no país.

    O grupo militante que reivindicou o ataque em Garissa explicou que o ato foi uma vingança pela presença militar do Quênia na Somália. Tropas quenianas foram desdobrados em território somali, em outubro de 2011, para combater os insurgentes depois de uma série de sequestros praticados pelo grupo.

    Tags:
    vingança, carro bomba, extremismo, atentado, ataque, terrorismo, Ministério da Educação, Garissa University College, Twitter, Al Shabab, Al-Qaeda, Mogadíscio, Garissa, Quênia, Somália
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik