23:24 30 Abril 2017
Ouvir Rádio
    Militares da Marinha dos EUA durante a cerimônia de descida da bandeiras norte-americana e japonesa em Camp Forester, perto da base militar de Futenma em Ginowan, na prefeitura de Okinawa, em 14 de novembro de 2014

    Autoridades de Okinawa ameaçam bloquear construção de base aérea dos EUA

    © AFP 2017/ Toru YAMANAKA
    Mundo
    URL curta
    0 576161

    As autoridades japonesas da prefeitura de Okinawa tomaram na segunda-feira a decisão de parar todas as obras no local onde está sendo construída uma nova base aérea dos EUA. Isso pode realmente bloquear o trabalho na construção da estrutura e causar um novo conflito agudo com Washington.

    A decisão foi tomada depois da queda de um dos blocos de concreto no local de construção que destruiu um recife de corais único na baía de Henoko. O governo local espera que o Ministério da Defesa remova todas as estruturas de concreto do fundo do mar e restaure a ecologia da área. Se os militares não seguirem as instruções, as autoridades pretendem revogar a licença, o que pode causar a cessação completa da construção.

    Em Okinawa encontra-se a maior base dos EUA no Japão, que conta com 47 mil militares e está localizada numa área densamente povoada da ilha. Os moradores locais veem-na de forma extremamente negativa, pois a presença de jovens norte-americanos, de acordo com eles, piora a criminalidade. O problema da mudança ou encerramento da base norte-americana vem se mantendo sem solução há quase 25 anos.

    Tags:
    base aérea, EUA, Japão
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik