23:28 30 Abril 2017
Ouvir Rádio
    Atentado na Tunísia.

    Acusados de atentado na Tunísia teriam sido treinados na Líbia

    © AP Photo/ Ben Ali Salah
    Mundo
    URL curta
    0 5214

    Em entrevista a um canal de televisão da Tunísia, o secretário de Estado tunisiano para a Segurança, Rafik Chelly, afirmou que os dois acusados de serem os autores do atentado ao Museu Nacional do Bardo, em Túnis, foram treinados na Líbia.

    Segundo ele, os dois autores extremistas salafistas takfiris que deixaram a Tunísia clandestinamente em dezembro e receberam treinamento militar na Líbia.

    O grupo jihadista Estado Islâmico reivindicou a autoria do atentado que matou 21 pessoas, sendo 20 turistas. O ataque é o mais grave contra estrangeiros na Tunísia desde o impetrado contra uma sinagoga em Djerba, em 2002, quando morreram 14 alemães e dois franceses, além de cinco tunisianos.

    Tags:
    treinamento, ataque, extremismo, atentado, Al-Qaeda, Estado Islâmico, Museu Nacional Bardo, Túnis, Djerba, Líbia, Tunísia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik