03:45 27 Março 2017
Ouvir Rádio
    Vista do Kremlin de Moscou

    Kremlin: prorrogação de sanções não afetará a política externa de Moscou

    © Sputnik/ Evgeniya Novozhenova
    Mundo
    URL curta
    0 856200

    A pressão exercida pela imposição de sanções sobre a Rússia não vai influenciar a política de Moscou, segundo declarou o porta-voz do presidente russo Vladimir Putin, Dmitry Peskov, em entrevista coletiva nesta quarta-feira (4).

    Na terça-feira (3), a Casa Branca anunciou que o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, prorrogou por um ano uma série de sanções contra cidadãos, funcionários e companhias da Rússia, devido ao suposto envolvimento de Moscou na crise ucraniana, alegação constantemente rechaçada pelo Kremlin.

    De acordo com Peskov, as "sanções nunca farão a Rússia alterar sua política externa consecutiva". O porta-voz presidencial também ressaltou que tais medidas restritivas “são definitivamente uma faca de dois gumes, e causam certo desconforto para a Rússia, mas também ferem os empresários e a economia desses países que fazem estes jogos de sanções". Nada de bom pode ser trazido à economia global com tais imposições, segundo concluiu o diplomata russo.

     

    Mais:

    Obama prorroga sanções contra Rússia por mais um ano
    Kerry ameaça Rússia com novas sanções mas reconhece que elas não mudam posição de Putin
    Opinião: Novas sanções contra a Rússia podem receber uma resposta dolorosa
    Tags:
    sanções, Dmitry Peskov, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik