17:47 17 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    Cafe Krudtenden

    Autor de ataques terroristas em Copenhague foi eliminado

    © AFP 2017/ MATHIAS OEGENDAL / SCANPIX DENMARK
    Mundo
    URL curta
    0 12

    A operação antiterrorista na capital dinamarquesa, que durou cerca de 15 horas, foi concluída.

    A polícia acredita que o homem, que atirou perto da estação de trem de Norrebro, é um criminoso que cometeu dois ataques terroristas — no café Krudttonden (Barril de Pólvora) e na sinagoga da rua Kristalgade. A declaração foi feita numa coletiva de imprensa pelo inspetor-chefe da Polícia Metropolitana de Torben, Jensen Melgor.

    Essa suposição se baseia nas imagens das câmeras de segurança nos locais dos atentados. No entanto, de acordo com a polícia, a informação exige provas adicionais.

    Copenhague sofre segundo ataque em menos de 24 horas

    Em Copenhague, foi realizado um reforço da segurança após o atentado, ocorrido no sábado, no café Krudttonden. Se suspeita que se tratou de um único terrorista, o qual conseguiu escapar da cena. A explosão feriu um policial e dois guardas. O secretário-geral da OTAN, Jens Stoltenberg, classificou o incidente no café como "um ataque inaceitável à liberdade de expressão."

    A polícia considera prematuro falar sobre uma relação entre o tiroteio no café e o ataque à sinagoga.

    "O homem que foi morto pela polícia, na estação de trem em Copenhague, estaria supostamente envolvido no ataque contra o centro cultural de Krudttonden e sinagoga de Krystalgade. Nós estamos a investigar se ele agiu sozinho", declarou o porta-voz da polícia Jorgen Skov.

    Mais:

    Copenhague sofre segundo ataque em menos de 24 horas
    Ataque terrorista em Copenhague deixa um morto e três feridos
    Tags:
    atentado, polícia, Dinamarca, Copenhague
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik