15:26 30 Março 2017
Ouvir Rádio
    Vladimir Putin

    Putin critica sanções mas diz que Rússia não quer guerra com ninguém

    © Sputnik/ Sergei Guneyev
    Mundo
    URL curta
    Guerra de sanções entre Rússia e Ocidente (179)
    0 1723140

    O presidente russo Vladimir Putin disse no congresso da Federação de Sindicatos Independentes da Rússia que o país não está em guerra com ninguém, e não quer uma guerra contra ninguém, mas criticou bruscamente as sanções antirrussas implementadas pelo Ocidente.

    “Não tem guerra, graças a Deus. Mas tem uma tentativa de conter nosso desenvolvimento com várias medidas… Mas nós não planejamos entrar numa guerra com ninguém, planejamos cooperar com todos”, declarou o presidente russo.

    Quanto às sanções, Putin disse que elas no final “não farão ninguém feliz e não podem ser eficientes contra um país como o nosso”.

    Parece que estas ideias também são às vezes partilhadas pelos países ocidentais. Durante a Conferência de Segurança de Munique, por exemplo, a chanceler alemã Angela Merkel disse que o Ocidente não quer construir a segurança na Europa contra a Rússia, mas sim com a Rússia.

    A União Europeia impôs o primeiro conjunto de proibições de viagem e congelamento de bens contra pessoas e entidades supostamente responsáveis por desestabilizar a Ucrânia em março de 2014.

    Ainda no ano passado, os Estados Unidos, a União Europeia e os seus aliados acusaram a Rússia de se intrometer no conflito ucraniano, inclusive prestando uma suposta assistência militar para os separatistas da região de Donbass, que haviam declarado independência por se recusarem a reconhecer a legitimidade do novo governo em Kiev, que subiu ao poder depois de um golpe de Estado em fevereiro.

    Desde março de 2014, o Ocidente já impôs várias rodadas de sanções contra Moscou, visando não só indivíduos de alto escalão, mas também os setores bancários, de energia e de defesa da Rússia.

    O Kremlin tem repetidamente negado qualquer envolvimento na crise interna da Ucrânia e qualifica a linguagem das sanções como contraproducentes. Em resposta às sanções ocidentais, Moscou impôs uma proibição de um ano sobre a importação de certos alimentos dos países que impuseram restrições.

    Tema:
    Guerra de sanções entre Rússia e Ocidente (179)
    Tags:
    guerra, sanções, Vladimir Putin, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik