21:03 17 Maio 2021
Ouvir Rádio

    Em 2011, precedido por protestos contra o governo, um conflito militar começou na Síria, envolvendo vários países do golfo Pérsico e do Ocidente, incluindo os EUA. Os dados do relatório "Guerra e paz na Síria", preparado por pesquisadores russos especializados em estudos do Oriente e Américas, mostram ao que levaram as ações militares no país.

    Desde 2014, a coalisão internacional liderada pelos EUA, sem permissão do governo, começou a lançar ataques contra posições do Daesh (organização terrorista proibida na Rússia e em vários outros países).

    Em 2019, o então presidente dos EUA, Donald Trump, anunciou a retirada parcial dos militares norte-americanos do país árabe. Entretanto, algumas tropas dos EUA continuam desde então na Síria sob o pretexto de "guardarem o petróleo" dos terroristas. Cerca de oito bases militares foram criadas no nordeste do país, as maiores das quais ficam perto das regiões com campos de petróleo controlados pelos norte-americanos e curdos.

    Com base nos grupos curdos, a coalisão liderada pelos EUA criou uma aliança de oposição, as Forças Democráticas Sírias, que também participa de ações militares. O governo sírio continua declarando que a presença dos norte-americanos na Síria é ilegal e viola a soberania do país árabe.

    Mais:

    Ex-enviado de Trump a Damasco chama de 'trunfo' para EUA a presença da Al-Qaeda na Síria
    Síria relata caminhões dos EUA contrabandeando trigo pelo Iraque
    Turquia destrói túnel subterrâneo perto da fronteira síria, informa mídia turca (FOTO)
    Tags:
    Golfo Pérsico, petróleo, EUA, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar

    Mais infográficos

    • Equipamento bélico na Parada da Vitória em Moscou
      Last update: 09:41 04.05.2021
      09:41 04.05.2021

      Equipamento bélico na Parada da Vitória em Moscou

      Apesar da pandemia, no final de março o Kremlin confirmou a determinação de efetuar em Moscou, no dia 9 de maio, a parada militar em homenagem ao 76º aniversário da vitória da Rússia na Grande Guerra pela Pátria.

    • COVID-19: quem mais vacina no mundo?
      Last update: 13:12 26.03.2021
      13:12 26.03.2021

      COVID-19: quem mais vacina no mundo?

      A geografia de vacinação e a variedade de imunizantes continuam aumentando. Dos nove imunizantes utilizados, os mais populares são o imunizante britânico-sueco da AstraZeneca, o americano-alemão Pfizer/BioNTech e vacina russa Sputnik V.

      COVID-19 no mundo no final de março de 2021
    • Posicionamento das forças na Síria passados 10 anos de conflito
      Last update: 12:43 18.03.2021
      12:43 18.03.2021

      Posicionamento das forças na Síria passados 10 anos de conflito

      Entenda o posicionamento de forças no país dez anos após o início do conflito armado.

    • Fukushima (imagem de fundo)
      Last update: 05:00 11.03.2021
      05:00 11.03.2021

      Dez anos da tragédia de Fukushima

      Em 11 de março de 2011, a costa do Japão foi alvo de forte terremoto e tsunami que provocaram a destruição dos reatores da usina nuclear Fukushima 1 e tiraram a vida de milhares de pessoas.