23:29 16 Janeiro 2018
Ouvir Rádio
    Infográficos

    País dividido: Líbia 6 anos depois de Kadhafi

    URL curta
    669
    País dividido: Líbia 6 anos depois de Kadhafi
    © Sputnik/

    Muammar Kadhafi foi morto em 20 de outubro de 2011. Ele tinha liderado a Líbia durante 42 anos. Depois da sua morte, a "jamahiriya" (Estado das massas) cessou de existir e o país ficou dividido.

    O quadro observado em 2017 representa os vários grupos armados em constante confrontação.

    Mais:

    Vice-premiê: Líbia pede ajuda à Rússia para acabar com o conflito armado no país
    Secretário-geral da OTAN: não devemos permitir que Rússia se reforce na Líbia
    Tags:
    conflito, confrontação, Muammar Kadhafi, Líbia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik

    Mais infográficos

    • Salada Olivier à russa (foto de arquivo)
      Last update: 12:29 31.12.2017
      12:29 31.12.2017

      11 pratos internacionais típicos das ceias de Natal e Ano Novo

      Natal e Ano Novo é o tempo de nos reunirmos à mesa festiva. Que receitas de Natal você pode saborear nos quatro cantos do mundo?

    • Menino sírio em meios às ruinas no norte de Aleppo (foto de arquivo)
      Last update: 12:41 29.12.2017
      12:41 29.12.2017

      Síria: rumo à vitória

      A Sputnik lhe apresenta as etapas principais da missão antiterrorista efetuada pela Rússia e aliados.

    • Complexos S-400, foto de arquivo
      Last update: 12:34 25.12.2017
      12:34 25.12.2017

      Os principais avanços das Forças Armadas russas em 2017

      O ano de 2017 foi rico em acontecimentos na área da defesa e indústria militar da Rússia, veja o infográfico da Sputnik para recordar os êxitos de Moscou.

    • Descubra como Washington tem armado os curdos na Síria
      Last update: 13:47 22.12.2017
      13:47 22.12.2017

      Descubra como Washington tem armado os curdos na Síria

      Após uma série de acusações por parte da Turquia, o presidente estadunidense, Donald Trump, assegurou nos finais de novembro que tinha ordenado cessar todo o tipo de entregas de armas às Unidades Populares de Proteção do Curdistão (YPG).