10:11 25 Outubro 2021
Ouvir Rádio
    • Cavalos selvagens na zona de exclusão de Chernobyl, que foi estabelecida após o acidente nuclear no reator número quatro da usina nuclear em abril de 1986
    • Raposa na zona de exclusão de Chernobyl
    • Alce na zona de exclusão de Chernobyl
    • Lobo na zona de exclusão de Chernobyl
    • Corços na zona de exclusão de Chernobyl, estabelecida na área contaminada após acidente na usina nuclear
    • Ouriço na zona de exclusão de Chernobyl
    • Urso-pardo na zona de exclusão de Chernobyl
    • Morcego na zona de exclusão de Chernobyl
    • Lince na zona de exclusão de Chernobyl, que tem superfície total de 2.600 quilômetros quadrados
    • Texugo na zona de exclusão de Chernobyl
    • Lagarto na zona de exclusão de Chernobyl
    • Lobo na zona de exclusão de Chernobyl
    • Falcão na zona de exclusão de Chernobyl, que foi estabelecida após o acidente nuclear em 26 de abril de 1986
    • Cavalos selvagens na zona de exclusão de Chernobyl, que foi estabelecida após o acidente nuclear no reator número quatro da usina nuclear em abril de 1986
    • Cegonha-preta na zona de exclusão de Chernobyl
    • Javali selvagem na zona de exclusão de Chernobyl
    • Cisnes na zona de exclusão de Chernobyl, onde o nível de radiação ainda permanece alto
    • Corço na zona de exclusão de Chernobyl, estabelecida na área contaminada após acidente na usina nuclear
    • Aranha tecendo teia na zona de exclusão de Chernobyl
    Cavalos selvagens na zona de exclusão de Chernobyl, que foi estabelecida após o acidente nuclear no reator número quatro da usina nuclear em abril de 1986.

    A zona de exclusão de Chernobyl foi estabelecida após o acidente nuclear ocorrido no reator número quatro da Usina Nuclear de Chernobyl em 26 abril de 1986 na Ucrânia Soviética.

    O desastre resultou em um grande número de pessoas evacuadas e vastas áreas contaminadas. A superfície da zona é de 2.600 quilômetros quadrados.

    No ano passado, os biólogos que estudam o sistema ecológico da zona de exclusão registraram ursos pardos, que apareceram na área pela primeira vez em 100 anos. Um dos cientistas informou que os ursos poderiam ter chegado devido à ausência de humanos.

    Mais:

    Programa nuclear da Coreia do Norte está avançando 'a todo vapor', alerta chefe da AIEA
    China prepara teste de revolucionário reator nuclear de tório
    Analista chinês: Austrália 'desmiolada' pode ser alvo de ataque nuclear após aderir à aliança AUKUS
    'Dissuasão nuclear é essencial para nossa segurança': EUA testam mísseis Trident II (FOTOS)
    Tags:
    usina nuclear, Chernobyl, acidente nuclear, Ucrânia, URSS, contaminação
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar

    Mais fotos