03:39 19 Agosto 2019
Ouvir Rádio
    • Morador usando máscara em frente a casa em chamas na aldeia de Roda, no centro de Portugal, em 21 de julho de 2019
    • Carro queima perto de Vila de Rei, em Portugal, 21 de julho de 2019
    • Moradores locais ajudam a apagar o incêndio florestal na aldeia de Colos, em Portugal, 21 de julho de 2019
    • Avião de combate a incêndios despeja água em Relva, no centro de Portugal, 21 de julho de 2019
    • Bombeiro da Guarda Nacional usa mangueira durante incêndio na aldeia de Roda, no centro de Portugal, em 21 de julho de 2019
    • Bombeiro monitora a progressão do incêndio em Amêndoa, no centro de Portugal, a 21 de Julho de 2019
    • Aldeão usa mangueira de água para apagar chamas durante incêndio na aldeia de Roda, no centro de Portugal, em 21 de julho de 2019
    • Ruínas de armazém após incêndio em Relva, no centro de Portugal, 21 de julho de 2019
    • Bombeiros ajudam a apagar incêndio florestal perto de Vila de Rei, Portugal, 21 de julho de 2019
    • Membros dos serviços de emergência tentam extinguir incêndio perto de Cardigos, Portugal, em 21 de julho de 2019
    © AFP 2019 / Patricia De Melo Moreira
    Morador usando máscara em frente a casa em chamas na aldeia de Roda, no centro de Portugal, em 21 de julho de 2019.

    Mais de 400 veículos e quase 2.000 bombeiros estão combatendo o incêndio que atingiu uma região montanhosa do centro de Portugal neste domingo (21).

    Um relatório do Ministério do Interior português informou que as chamas já deixaram 30 feridos na região de Castelo Branco, incluindo oito bombeiros.

    Os incêndios florestais, alimentados pelos ventos fortes, começaram no dia 20 de junho em lugares de difícil acesso. Estas regiões montanhosas e cobertas de florestas do centro de Portugal são regularmente atingidas por incêndios, incluindo os mais mortíferos da história do país, que ocorreram em junho e outubro de 2017, matando um total de 114 pessoas.

    Mais:

    Incêndio em prédio deixa 1 morto e 6 feridos em Portugal
    700 bombeiros combatem incêndio florestal em Portugal, 9 pessoas ficam feridas
    UE admite falha de cooperação a não ajudar Portugal no combate de incêndios
    Tags:
    incêndios florestais, incêndio, Portugal
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar

    Mais fotos