23:47 15 Agosto 2018
Ouvir Rádio
    • Nebulosa da Águia por Marcel Drechsler. É um jovem aglomerado aberto de estrelas localizado na constelação da Serpente à distância de aproximadamente 7.000 anos-luz da Terra
    • Brilho da Terra por Peter Ward. O eclipse solar observado da Terra, onde a Lua encobre o Sol deixando apenas um círculo solar à vista
    • Expedição para o Infinito por Jingpeng Liu. Nossa galáxia em todo o seu esplendor fotografada do Parque Nacional das Badlands, na Dakota do Sul, EUA
    • Mosaico das nebulosas de Órion & Nebulosa do Homem Correndo por Miguel Angel García Borrella e Lluis Romero. A nebulosa de Órion, também descrita como NGC 1976, é uma nebulosa difusa que se encontra entre 1500 e 1800 anos-luz do Sistema Solar, situada a sul do Cinturão de Órion. É uma das nebulosas mais brilhantes, e pode ser observada a olho nu sobre o céu noturno
    • Tempestade sob a Via Láctea por Tianyuan Xiao. Nossa galáxia gloriosa paira sobre uma tempestade que ilumina o céu da Flórida. O fotógrafo mostra o excelente contraste entre os objetos estáveis (Via Láctea) e móveis (tempestade) no céu
    • A Lua Colorida por Nicolas Lefaudeux. Uma imagem fenomenal que retrata as cores inéditas da superfície do satélite terrestre. A imagem assemelha-se a com um ornamento de árvore de Natal com extensa gama de cores e tonalidades
    • Mágica por Jingyi Zhang. Magnífica aurora boreal rompe nuvens iluminando os montes na península de Stokksnes, Islândia
    • O AR 2665 e Proeminência Quiescente por Lukasz Sujka. A imagem mostra as erupções solares
    • Aurora Boreal na costa do mar de Barents por Michael Zaviyalov. Após quatro dias de mau tempo e forte nevada, o céu finalmente se clareou e a aurora polar apareceu em toda a sua glória
    • A galáxia de Andrômeda por Peeter Feltoti. É uma galáxia espiral localizada a cerca de 2,54 milhões de anos-luz de distância da Terra, na direção da constelação de Andrômeda
    • Cave Man por Brandon Yoshizawa. A Via Láctea é vista na abertura de uma caverna marítima. A imagem mostra de perto os detalhes escuros das pedras e luzes distantes da nossa galáxia
    • Estrelas sobre o sagrado mongol Ovoo – pedra sagrada da Mongólia por Qiqige Zhao. A imagem, tirada em uma noite de verão em Mingantu, mostra rastros das estrelas cadentes sobre os altares sagrados
    • Rumo ao Norte por Jake Mosher. Zimbro inclinado nas Montanhas Rochosas (Montana, EUA), é preenchido com rastros de estrelas cadentes
    • Empírico por Paul Wilson. Águas de Southern Bays (Nova Zelândia) refletem as cores brilhantes rosa e amarela lançadas pela Aurora iluminada. A tonalidade escura de amplos campos verdes e o céu azul-escuro são sombreados por incríveis cores vivas da aurora
    • Saturno magnífico por Avani Soares. A fotografia em alta resolução mostra o segundo maior planeta do Sistema Solar em vários ângulos
    • Cable Bay por Mark Gee. A encantada Via Láctea estende-se pelo céu noturno e é refletida por Cable Bay (Nova Zelândia). Para criar essa imagem panorâmica, o fotógrafo precisou de 42 fotos separadas
    • Guardião da Luz por James Stone. A Via Láctea se eleva acima de um farol isolado na Tasmânia. A imagem retratou a vida solitária e difícil de faroleiros, mas ao mesmo tempo incrível
    • Castelo de gelo por Arild Heitmann. A imagem marcante em que a aurora polar lança luzes verdes sobre enormes estruturas de gelo, com temperaturas de 26 °C negativos, em Lapônia, Suécia
    • NGC 6726 e NGC 6727 por Mark Hanson, Warren Keller, Steve Mazlin, Rex Parker, Tommy Tse, David Plesko, Pete Proulx (EUA). A foto retrata nebulosas na constelação de Corona Australis em cor azul – muito comum em estrelas quentes
    Nebulosa da Águia por Marcel Drechsler. É um jovem aglomerado aberto de estrelas localizado na constelação da Serpente à distância de aproximadamente 7.000 anos-luz da Terra.

    É possível ou não alcançar as estrelas? Mesmo se estão tão afastadas por milhões de anos-luz da Terra, essas incríveis fotografias do Universo nos oferecem a sensação de estarmos bem pertos.

    O concurso anual escolhe as imagens mais espetaculares e deslumbrantes do Universo, sejam elas galáxias longínquas localizadas a milhões de anos-luz da Terra, ou belas imagens da natureza onde aparece o céu noturno perto de sua casa.

    O concurso 2018 Insight Astronomy Photographer of the Year premia os melhores trabalhos artísticos, enquanto a Sputnik lhe apresenta os mais marcantes.

    Mais:

    Astrônomos descobrem o objeto mais brilhante do Universo jovem (FOTO)
    Mais calor que no inferno? Conheça 5 lugares mais quentes do Universo
    Hubble tira FOTO detalhada do Universo primordial
    NASA apresenta encantadoras nuvens de Júpiter (FOTO)
    NASA mostra tempestade de areia do Planeta Vermelho (VÍDEO)
    Tags:
    galáxias, câmera, astronomia, Universo, Via Láctea, Terra
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik

    Mais fotos