13:01 10 Dezembro 2018
Ouvir Rádio
    • No decorrer dos ensaios, os destacamentos militares usam contramedidas especiais para recrear uma situação militar complicada
    • Os sistemas de defesa antiaérea S-400 são destinados a eliminar todos os tipos de alvos aéreos e espaciais modernos e promissores
    • O sistema é capaz de alcançar alvos aéreos como aviões e mísseis de cruzeiro à distância de 400 km e alvos balísticos a 60 km de distância
    • Na sua versão para exportação o sistema se chama S-400 Triumph
    • Junto com os sistemas de mísseis Iskander e os sistemas antinavio Bastion, os S-400 constituem a base da estratégia militar russa destinada a proteger suas fronteiras de uma possível agressão por parte da OTAN
    • Vale destacar que depois da Turquia ter abatido um caça russo em 26 de novembro de 2015, o sistema S-400 foi instalado também na base aérea de Hmeymim, centro de baseamento dos aviões da Força Aeroespacial russa na Síria
    • Ademais, os sistemas já estão em serviço na China após o respectivo contrato ter sido celebrado em abril de 2015
    • Após numerosas rodadas de negociações, em setembro do ano corrente também foi alcançado o respectivo acordo com as autoridades turcas, que logo vão começar a receber as entregas
    • Já em outubro de 2017, na sequência da histórica visita do rei saudita à Rússia, foi comunicado que o país árabe também ia comprar os sistemas russos
    • Quanto aos seus “concorrentes” ocidentais, o S-400 é muitas vezes comparado com os sistemas estadunidenses Patriot, recentemente instalados na Polônia
    • O S-400 Triumph, de fato, desfruta de um leque muito mais vasto de caraterísticas, sendo o único sistema deste tipo capaz de escolher trabalhar com 4 mísseis diferentes
    • Um militar durante os ensaios da unidade militar № 03216 do Regimento de Mísseis de Zelenogorsk participa dos ensaios envolvendo os sistemas de mísseis S-400 na região de Leningrado
    • O sistema pode ser usado de dia e de noite, em quaisquer condições físico-geográficas e climáticas
    • O sistema foi desenvolvido pela empresa Almaz que, por sua vez, faz parte do conhecido consórcio Almaz-Antey
    • O primeiro sistema S-400 Triumph entrou em serviço no território russo em 28 de abril de 2007
    • O prazo de serviço dos sistemas é de pelo menos 20 anos, o prazo para os mísseis guiados é de 15 anos
    • Após a escalada nas relações russo-ucranianas, o sistema também foi instalado na península da Crimeia
    • Todos os componentes do sistema estão alojados em contêineres especiais com tecnologia furtiva, o que impede sua detecção pelos serviços de reconhecimento por radar
    © Sputnik / Aleksandr Galperin
    No decorrer dos ensaios, os destacamentos militares usam contramedidas especiais para recrear uma situação militar complicada.

    Neste mês de dezembro, na região de Leningrado foi instalada uma nova divisão de sistemas de defesa antiaérea S-400, seguida pelos ensaios da unidade militar № 03216 do Regimento de Mísseis de Zelenogorsk.

    Confira os momentos mais marcantes das manobras em pleno inverno russo!

    Mais:

    Como Turquia vai pagar pelos sistemas russos S-400
    OTAN fica 'sem alternativa' e se conforma com venda dos S-400 russos à Turquia
    Que riscos corre Rússia com possível venda de S-400 para Arábia Saudita?
    Analista militar: para Turquia era importante comprar especificamente S-400
    S-400 vs Patriot: confira a diferença
    Tags:
    ensaios militares, S-400, Almaz-Antey, Leningrado, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik

    Mais fotos