05:45 19 Junho 2021
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    131832
    Nos siga no

    Nesta semana, a ministra francesa do Mar criticou as condições impostas pela ilha de Jersey em relação à emissão de licenças de pesca na região.

    O Reino Unido enviará dois navios de patrulha para "monitorar a situação" próximo da ilha de Jersey, localizada no canal da Mancha, em meio às tensões com a França pelos direitos de pesca na região após o Brexit.

    O escritório do primeiro-ministro britânico ressaltou que Boris Johnson conversou nesta quarta-feira (5) com o chefe do governo de Jersey, o senador John Le Fondré, e o ministro das Relações Exteriores da ilha, Ian Gorst.

    Johnson e Le Fondré "destacaram a urgente necessidade de uma desescalada das tensões e de um diálogo entre Jersey e a França sobre o acesso à pesca".

    Johnson expressou seu "apoio inabalável" a Jersey e reiterou que "qualquer bloqueio seria complemente injustificável", enquanto anunciava que Londres enviará duas embarcações de patrulha "para monitorar a situação".

    O anúncio sobre o envio das embarcações ocorreu depois que Annick Girardin, ministra francesa do Mar, criticou na terça-feira (4) as condições impostas para a emissão de licenças de pesca na região.

    Jersey recebe a maior parte de sua eletricidade da França por cabos submarinos e Girardin ameaçou interromper o fornecimento de energia elétrica à ilha.

    De acordo com a agência S&P Global Platts, a ilha, com uma população de 108 mil pessoas, importa da França 95% de sua eletricidade.

    Mais:

    Marinha Real britânica vai permanecer no Ártico para deter influência crescente da Rússia, diz mídia
    Marinha do Reino Unido reporta 'presença russa significativa' perto das águas britânicas
    VÍDEO e FOTOS mostram 1ª fragata Type 26 da Marinha britânica
    Tags:
    Marinha Real, pescadores, pesca, França, Canal da Mancha, Reino Unido
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar