19:00 11 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    0 20
    Nos siga no

    O número de pessoas afetadas pelo coronavírus (COVID-19) subiu para 441 na Espanha, onde já foram registradas 10 mortes, todas elas casos de idosos com patologias anteriores.

    Especificamente, cinco mortes por coronavírus foram registradas em Madri, enquanto as outras cinco ocorreram em Barcelona, Saragoça, Valência, Álava e Bilbau.

    Apesar de em apenas 24 horas o número de infecções identificadas ter aumentado em 93, o Ministério da Saúde espanhol garantiu que a situação não seja excessivamente grave.

    "Não há avalanche de casos", disse Fernando Simón, diretor do Centro de Coordenação de Alertas e Emergências do Ministério da Saúde, em entrevista coletiva neste sábado.

    Apesar de Madri ser a região com mais casos, o foco principal da doença na Espanha encontra-se na pequena comunidade autônoma de La Rioja, que acumula quase todas as suas 39 infecções nas pequenas cidades de Haro e Casalarreina, que possuem cerca de 12.000 habitantes.

    Segundo as informaçõe das autoridades de saúde locais, o foco do contágio é encontrado em um grupo de pessoas que participou de um funeral em Vitória (País Basco), onde foram registrados outros 25 casos relacionados aos de La Rioja.

    "Em um funeral, onde há muito contato pessoal, a transmissão é muito mais fácil", explicou Fernando Simón.

    Para conter a propagação da doença, o governo de La Rioja reforçou o destacamento policial nas cidades afetadas, tudo com o objetivo de garantir o cumprimento das medidas de isolamento impostas a grande parte da população local.

    Mais:

    Trump está contente que as pessoas fiquem nos EUA e gastem dinheiro no país devido ao coronavírus
    Capturadas primeiras FOTOS miscroscópicas da forma real do novo coronavírus
    Sanções dos EUA drenam os recursos do Irã para combater o coronavírus, afirma Zarif
    Tags:
    epidemia, Espanha, COVID-19, novo coronavírus
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar