01:22 19 Janeiro 2020
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    2140
    Nos siga no

    O ministro da Inovação da Sérvia, Nenad Popovic, disse que a Rússia é o maior aliado e amigo da Sérvia, protegendo os interesses de Belgrado.

    Neste domingo (8), o Partido Popular da Sérvia, liderado por Popovic, parte da coalizão governista, realizou um congresso em Belgrado. O evento contou com a participação de membros de partidos estrangeiros que mantêm relações amistosas com o Partido do Povo Sérvio, incluindo o partido Rússia Unida.

    "Hoje, a Sérvia não tem um amigo e aliado maior em termos de proteção do Estado e interesses nacionais do que a Rússia", disse Popovic durante o evento.

    O ministro prometeu lutar contra qualquer tentativa de desacreditar a Rússia aos olhos do povo sérvio.

    Popovic elogiou o acordo de livre comércio recentemente alcançado entre a Sérvia e a União Econômica da Eurásia, apontando que o acordo abriu um mercado de 200 milhões de pessoas para empresas sérvias.

    O ministro também avaliou positivamente o contrato de construção de um centro de pesquisa nuclear na Sérvia, assinado por Moscou e Belgrado em outubro deste ano. Do ponto de vista de Popovic, a partir do acordo a Sérvia terá a oportunidade de realizar pesquisas nucleares civis pela primeira vez em 30 anos.

    As relações entre os dois países vêm se desenvolvendo desde o século 19, quando a Rússia ajudou Belgrado a conquistar a independência do Império Otomano. Além disso, em 1914, o Império Russo decidiu apoiar a Sérvia em meio à crise do país nas relações com a Áustria-Hungria, que resultou na Primeira Guerra Mundial.

    Já os laços entre a União Soviética e a Iugoslávia eram instáveis, pois Moscou e Belgrado tiveram vários períodos de tensão nas relações bilaterais. No entanto, a dissolução de ambos os estados abriu novas perspectivas para o desenvolvimento dos laços bilaterais entre Rússia e Sérvia. Moscou, em particular, apoiou Belgrado no conflito em torno do Kosovo e se recusou a reconhecê-lo como um estado independente.

    Mais:

    Análise: participação de Kosovo em exercícios da OTAN é parte da política contra Sérvia
    Exército da Sérvia está em alerta: forças do Kosovo entram em assentamentos sérvios (VÍDEOS)
    Cobrindo toda a península balcânica: presença de S-400 na Sérvia é sinal de confiança, diz general
    Presidente da Sérvia nega planos de produzir armas junto com Rússia
    Tags:
    Belgrado, Kosovo, União Soviética, Iuguslávia, Sérvia, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar