12:30 17 Junho 2019
Ouvir Rádio
    Presidente ucraniano, Pyotr Poroshenko, na Conferência de Segurança em Munique, Alemanha, 17 de fevereiro de 2017

    Reeleição de Poroshenko vai agravar a divisão na Ucrânia, diz político russo

    © AP Photo / Matthias Balk
    Europa
    URL curta
    361

    A reeleição de Pyotr Poroshenko como presidente da Ucrânia vai agravar a divisão na sociedade ucraniana, declarou o secretário do Conselho de Segurança da Rússia, Nikolai Patrushev.

    "A reeleição de Poroshenko levará a uma maior divisão na sociedade e à desintegração da Ucrânia", afirmou Patrushev em entrevista ao jornal Komsomolskaya Pravda.

    Ele lembrou que durante os quatro anos de presidência de Poroshenko "uma parte significativa da população ucraniana se empobreceu e milhões de cidadãos deixaram o país em busca de uma vida melhor".

    "Além disso, não há progresso em resolver a situação no Donbass", ressaltou.

    Ao mesmo tempo, o secretário do Conselho de Segurança da Rússia declarou que "Pyotr Poroshenko não tem apoio eleitoral suficiente e quase não tem chance de ser legitimamente reeleito", ressaltando que "a única esperança de Poroshenko é o uso generalizado de falsificações".

    As eleições presidenciais na Ucrânia serão realizadas em 31 de março de 2019. Oficialmente, a campanha eleitoral começou em 31 de dezembro passado.

    Até o momento, a comissão eleitoral registrou 44 candidatos.

    De acordo com uma pesquisa recente, o ator Vladimir Zelenski lidera as pesquisas de intenção de voto com 21,9%, seguido pela ex-primeira-ministra e líder do partido Batkivschina (Pátria), Yulia Tymoshenko, com 19,2%.

    Em terceiro lugar está o atual presidente Pyotr Poroshenko, com 14,8% de apoio.

    Mais:

    Rússia rejeitará eleição na Ucrânia caso seus observadores sejam negados
    Especialista: Ucrânia arruinou Exército e Marinha com suas próprias mãos
    Candidata a presidente da Ucrânia propõe usar bombas de grafite nas relações com Rússia
    Tags:
    conflito ucraniano, crise ucraniana, reeleição, política, Eleições na Ucrânia, Conselho de Segurança da Rússia, Vladimir Zelenski, Yulia Tymoshenko, Nikolai Patrushev, Pyotr Poroshenko, Ucrânia, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar