18:51 11 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Oficiais de guarda do exército macedônio mudam as bandeiras nacionais durante uma cerimônia especial em frente ao prédio do governo na capital da Macedônia, Escópia.

    Premiê promete: 'Macedônia se tornará membro da OTAN em breve e depois ingressará na UE'

    © AP Photo / Boris Grdanoski
    Europa
    URL curta
    311
    Nos siga no

    A Macedônia em breve se tornará um membro da OTAN e depois se integrará à União Européia, disse o primeiro-ministro da Macedônia, Zoran Zaev, neste sábado.

    "Os parlamentares da Assembleia da República da Macedônia nos deram a oportunidade de entrar nas maiores associações ocidentais do mundo por uma maioria de 2/3 dos votos seguindo a vontade e os interesses estratégicos dos cidadãos (…). Agora, nossa a adesão à OTAN, que já está em andamento, continuará com ritmo acelerado e com resultado claro. Também esperamos que as negociações sobre a adesão à União Europeia sejam iniciadas", disse Zaev.

    Na sexta-feira, 81 dos 120 membros do Parlamento apoiaram as emendas necessárias para renomear a Macedônia para "República da Macedônia do Norte", pondo fim a uma disputa que durava desde 1991.

    A mudança é importante porque, temendo que os vizinhos reclamassem parte de território homônimo, a Grécia bloqueava a entrada da Macedônia em vários órgãos internacionais. Oficialmente, o país ainda é conhecido como "Antiga República Iugoslava da Macedônia".

    Em setembro, a Macedônia realizou um referendo sobre sua renomeação depois que ministros das Relações Exteriores gregos e macedônios assinaram um acordo em junho. 90% votaram a favor do acordo, mas apenas um terço dos eleitores elegíveis participou do referendo.

    Tags:
    OTAN, União Europeia, Zoran Zaev, Grécia, Macedônia, República da Macedônia do Norte
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar