05:54 15 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Líder iugoslavo, Josip Broz Tito, com o presidente norte-americano, Richard Nixon, e suas esposas perto da Casa Branca, Washington, EUA, 1971

    Montenegro inaugura estátua em homenagem a Tito

    © AP Photo/ HWG
    Europa
    URL curta
    190
    Nos siga no

    Em homenagem à antiga "terra dos eslavos do sul", a cidade de Podgorica, capital de Montenegro, inaugurou ontem uma estátua de bronze do líder iugoslavo Josip Broz Tito, dividindo opiniões.

    Visto por muitos como um grande estadista que conseguiu manter a paz e a estabilidade entre os diversos povos que formavam a Iugoslávia, Tito, que governou esse grande país do final da Segunda Guerra Mundial até sua morte, em 1980, também é apontado por outros como um governante autoritário. O monumento em honra a esse político tem como pano de fundo o aniversário de libertação de Podgorica do jugo nazista, ocorrida em 19 de dezembro de 1944, pelas mãos dos partisans liderados por Tito. 

    ​A nova estátua da cidade, nomeada Titograd — em homenagem ao político — entre 1946 e 1992, foi colocada em um parque por iniciativa da prefeitura e de um grupo de veteranos comunistas do período da Segunda Guerra. Uma de três peças idênticas feitas pelo escultor Antun Augustincic em 1948, a estátua em tamanho natural mostrando Tito em uniforme militar com o sobretudo pendurado nos ombros estava guardada em uma sala comemorativa de um quartel do Exército.

    De acordo com o prefeito Ivan Vukovic, citado pela Reuters, a recolocação da imagem em local público foi uma forma de lembrar os valores fundamentais de Montenegro. 

    "Nosso país continua fiel às tradições antifascistas", disse ele, segundo a agência. 

    Mais:

    Balcânicos ou bálticos? Trump teria culpado inocentes por iniciar guerras na Iugoslávia
    Atacar para proteger: chefe da OTAN revela objetivo de bombardeios na Iugoslávia
    Polêmica: presidente da Sérvia diz que Milosevic era um grande líder na Iugoslávia
    Conheça a história dos marinheiros que salvaram Iugoslávia e hoje lutam contra Daesh
    Tags:
    Reuters, Ivan Vukovic, Josip Broz Tito, Titograd, Iugoslávia, Podgorica, Montenegro
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar