11:39 21 Novembro 2018
Ouvir Rádio
    Policiais britânicos perto do Centro Batista Amesbury, Amesbury, Reino Unido

    Mulher que foi exposta ao agente químico Novichok morre na cidade britânica de Amesbury

    © AP Photo / Matt Dunham
    Europa
    URL curta
    715

    Uma mulher, supostamente exposta a um agente químico na cidade britânica de Amesbury, morreu em um hospital local, informou a Polícia Metropolitana do Reino Unido no domingo.

    "Detetives lançaram um inquérito sobre assassinatos depois que uma mulher que foi exposta ao agente nervoso Novichok, em Amesbury, morreu no hospital nesta noite, domingo, 8 de julho. Ela foi formalmente identificada como Dawn Sturgess, de 44 anos, de Durrington. Sua família foi informada e está recebendo apoio de oficiais especialmente treinados", disse a polícia em um comunicado.

    De acordo com a declaração, um homem de 45 anos que também adoeceu após a exposição ao agente nervoso permanece em estado crítico.

    O chefe da divisão antiterrorismo do Reino Unido, Neil Basu, afirmou que não há informações que indiquem que casal foi deliberadamente atacado. Ele não soube informar como o Novichok foi transmitido. Mais de 100 pessoas já participam da investigação do caso.

    Amesbury está localizada a cerca de 6 quilômetros ao norte da famosa instalação de pesquisa de armas químicas Porton Down, que é um pouco mais próxima que a cidade de Salisbury, onde o ex-espião russo Sergei Skripal e sua filha Yulia foram encontrados envenenados há cerca de quatro meses.

    Tags:
    veneno, agente químico, Novichok, Amesbury, Reino Unido
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik