06:31 17 Agosto 2018
Ouvir Rádio
    Lançamento da segunda linha do gasoduto Nord Stream (foto de arquivo)

    Kiev vê na construção do gasoduto Nord Stream 2 'ameaça à civilização europeia'

    © Sputnik / Aleksei Kudenko
    Europa
    URL curta
    5414

    A participação da Alemanha do projeto Nord Stream 2 (Corrente do Norte 2) afetará a Ucrânia, bem como a toda a Europa Ocidental de forma negativa, afirmou o vice-ministro dos Assuntos dos Territórios Ocupados da Ucrânia, Georgy Tuka, em entrevista ao canal ICTV.

    De acordo com ele, apesar de o Ocidente não parar de falar do apoio a Kiev, a Alemanha continua construindo o Nord Stream 2, mesmo conhecendo "as consequências negativas". 

    Segundo assinalou o político ucraniano, os europeus não percebem que sua civilização será ameaçada caso abandonem os seus princípios, tais como os direitos humanos e o respeito às fronteiras internacionalmente reconhecidas.

    Anteriormente, o presidente alemão, Frank-Walter Steinmeier, afirmou que a Ucrânia precisa de parar com as críticas a Berlim por sua participação do projeto Nord Stream 2.

    O gasoduto Nord Stream 2 é um projeto conjunto das empresas Gazprom (Rússia), Engie (França), OMV AG (Áustria), da anglo-holandesa Royal Dutch Shell e das alemãs Uniper e Wintershall.

    O gasoduto poderá transportar 55 bilhões de metros cúbicos de gás natural da Rússia para os países europeus através do fundo do mar Báltico até à Alemanha. O projeto foi desenvolvido para evitar o transporte de gás pelo território da Ucrânia.

    A Ucrânia vem criticando a construção do gasoduto, receando perder os lucros do trânsito do gás. A Lituânia, Letônia e a Polônia também se expressaram contra a construção do Nord Stream 2. Seus líderes acreditam que se trata de um projeto político. Além disso, os EUA se mostraram igualmente contra, por terem planos ambiciosos quanto às exportações de seu gás para a Europa. 

    Por sua vez, a Rússia apelou repetidamente para que outros países deixem de politizar a construção do gasoduto. De acordo com o presidente russo, Vladimir Putin, Moscou vê o projeto como exclusivamente econômico. 

    Mais:

    Analista: só um país pode derrubar gasoduto Nord Stream 2
    EUA tentam minar construção do gasoduto Nord Stream 2
    Comissão Europeia poderá dar 'luz verde' ao gasoduto Nord Stream 2
    Tags:
    civilização, consequências, gasoduto, Nord Stream 2, Alemanha, Rússia, Ucrânia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik