02:40 22 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Soldados turcos

    Turquia retira contingente de exercícios militares após uma 'gafe' da OTAN

    © AFP 2019 / OZAN KOSE
    Europa
    URL curta
    12234
    Nos siga no

    O presidente turco Erdogan anunciou que o contingente turco será retirado dos exercícios militares da OTAN na Noruega.

    Segundo declarou o presidente turco, Ancara deu ordem de saída aos 40 militares que participavam das manobras da OTAN na Noruega após as imagens de duas personalidades turcas terem sido colocadas em um mapa como "inimigos".

    "Eles colocaram no mapa dos 'inimigos' uma imagem de Ataturk [fundador e primeiro presidente da Turquia], bem como de mim próprio", disse Recep Tayyip Erdogan falando perante os chefes das seções regionais do Partido da Justiça e do Desenvolvimento (AKP em inglês, o partido no poder).

    A decisão de retirar os militares foi tomada pelo chefe do Estado-Maior após ter tido conhecimento da notícia, tendo o governo do país apoiado a iniciativa. 

    ​O presidente acrescentou que Ancara não vai reconsiderar a sua decisão mesmo que o mapa seja retirado. 

    O secretário-geral da OTAN Jens Stoltenberg e o comandante do Centro na Noruega apresentaram oficialmente as desculpas, dizendo que se tratou de uma "iniciativa infeliz" de um contratado civil.

    Mais:

    Turquia 'tem sido enganada pela OTAN' muitas vezes e já 'quase perdeu fé no bloco'
    Opinião: Turquia começa a se orientar para Rússia em vez da OTAN
    Tags:
    pedido de desculpas, soldados, manobras, retirada, exercício militar, política, OTAN, Recep Tayyip Erdogan, Noruega, Turquia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar