03:06 16 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    Parlamento da Catalunha (foto de arquivo)

    Parlamento da Catalunha reconhece decisão de Madri de dissolvê-lo

    © Sputnik/ Jordi Boixareu
    Europa
    URL curta
    Referendo independentista na Catalunha (66)
    0 20

    O Parlamento catalão, dissolvido pelas autoridades espanholas, reconheceu essa decisão e terminou seu funcionamento até a realização de eleições antecipadas, afirmou à Sputnik o serviço da imprensa do órgão.

    A sessão do Parlamento agendada para terça-feira (31) foi cancelada.

    Nesta segunda-feira (30), a presidente do Parlamento Carme Forcadell, uma das apoiantes mais fortes da declaração da independência, apareceu no Parlamento. Oficialmente, ela mantém seu mandato até a realização das eleições antecipadas em 21 de dezembro.

    Enquanto isso, o procurador-geral da Espanha, José Manuel Maza, anunciou que vai processar Carles Puigdemont e outros líderes catalães por organização de rebelião, sedição e fraude contra os integrantes do governo catalão e da Mesa do Parlamento da Catalunha.

    Em 27 de outubro, o Parlamento catalão aprovou uma resolução sobre a proclamação da independência. Apenas 70 deputados de 135 participaram da votação. O documento não foi publicado nem em boletim oficial do Parlamento da Catalunha, nem no boletim do governo da autonomia. De acordo com a lei, todos os documentos devem ser aí publicados para sua entrada em vigor.

    Uma hora depois da aprovação da resolução, o Senado da Espanha aprovou a aplicação do artigo 155 da Constituição, que permite substituir a autonomia pela administração direta a partir de Madri.

    O premiê espanhol, Mariano Rajoy, demitiu os membros da Generalidade, incluindo seu líder, Carles Puigdemont e dissolveu o Parlamento da autonomia. Puigdemont afirmou que não reconhece a decisão das autoridades espanholas.

    Tema:
    Referendo independentista na Catalunha (66)

    Mais:

    Presidente do Parlamento Europeu elogia intervenção da Espanha na Catalunha
    Brasil rejeita declaração de independência da Catalunha
    Vice de Rajoy assume a Catalunha e líder deposto pede 'resistência democrática'
    Tags:
    independência, referendo, Parlamento catalão, Catalunha, Espanha
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik