22:56 16 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Mais de 6.000 imigrantes foram resgatados no dia 3 de outubro na costa da Líbia, no mar Mediterrâneo

    Mais de 130 mil já arriscaram a vida para cruzar o Mediterrâneo rumo à Europa em 2017

    © AFP 2019 / Aris Messinis
    Europa
    URL curta
    0 01
    Nos siga no

    A Organização Internacional para as Migrações disse que cerca de 130 mil migrantes e refugiados atravessaram o Mar Mediterrâneo para entrar na Europa desde o início deste ano.

    Cerca de 130 mil migrantes e refugiados atravessaram o Mar Mediterrâneo para entrar na Europa desde o início deste ano, com 98,072 deles vindo para a Itália, informou a Organização Internacional para as Migrações (OIM) na sexta-feira.

    "A OIM, a Agência das Nações Unidas para as Migrações, informa que 120.975 migrantes e refugiados entraram para a Europa pelo mar em 2017 até 23 de agosto", afirmou a OIM em comunicado.

    De acordo com a agência de migração da ONU, 271.951 chegadas no Mediterrâneo foram registradas no mesmo período do ano passado. Desde 2015, a Europa sofreu a pior crise de migração em sua história, lutando para acomodar centenas de milhares de refugiados e migrantes que fogem das hostilidades nos países do Oriente Médio e do Norte da África.

    Mais:

    Refugiados sírios são obrigados por turcos a usarem lingerie para cruzar fronteira (FOTOS)
    China: Norte-coreanos que cruzam fronteira ilegalmente não serão considerados refugiados
    Famílias de terroristas e refugiados sírios convivem lado a lado em Mossul
    Tensão na UE: Itália sobe o tom contra 'ameaças' de vizinhos sobre refugiados
    Ninguém é de confiança: terroristas preparam sabotagens em campos de refugiados
    Tags:
    ONU, Nações Unidas, Organização Internacional para as Migrações, Itália, Norte da África, Oriente Médio, Europa, Mar Mediterrâneo
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar