12:05 18 Agosto 2019
Ouvir Rádio
    US Präsident Donald Trump und sein Kollege aus Frankreich Emmanuel Macron bei der Konferenz in Paris

    De rivais a 'camaradas': Trump e Macron estão às boas após visita do republicano a Paris

    © AP Photo / Carolyn Kaster
    Europa
    URL curta
    1 0 0

    O presidente dos EUA, Donald Trump, agradeceu ao colega francês Emmanuel Macron no sábado por convidar a ele e à primeira-dama Melania Trump para participarem da celebração do Dia da Bastilha, o feriado nacional francês. Nas ruas, a recepção ao republicano não foi tão calorosa assim.

    Durante a visita, Trump conheceu a embaixada dos EUA em Paris e realizou conversas bilaterais com a Macron sobre questões globais. Os líderes também tiveram um jantar na Torre Eiffel.

    "Presidente @EmmanuelMacron, obrigado por convidar Melania e eu para uma celebração tão histórica na França. #BastilleDay # 14juillet", Trump escreveu no Twitter e anexou um vídeo com momentos de sua visita à França.

    O presidente dos EUA ressaltou o significado histórico do Dia da Bastilha e observou os laços profundos entre Paris e Washington.

    "A França é o primeiro e mais antigo aliado da América. Desde que o general Lafayette [Gilbert du Motier] se juntou à luta americana pela independência, nossos destinos e fortunas foram amarrados inequivocamente juntos", disse Trump no vídeo em anexo.

    Protestos

    Nessa sexta-feira, centenas de pessoas foram às ruas de Paris em meio às festas para protestar pelo convite e presença de Trump. Os manifestantes estavam carregando bandeiras, cartazes e retratos do líder dos EUA contendo palavras de ordem contrárias ao republicano.

    Tags:
    Dia da Bastilha, Gilbert du Motier, Emmanuel Macron, Melania Trump, Donald Trump, Estados Unidos, América, França, Paris, Washington
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar