14:00 25 Setembro 2017
Ouvir Rádio
    Líder do partido francês Marine Le Pen

    Le Pen promete tirar a França da OTAN

    © AP Photo/ Jacques Brinon
    Europa
    URL curta
    292091220

    Marine Le Pen, candidata à presidência pelo partido Frente Nacional, pretende tirar a França do comando da OTAN, segundo o programa de governo, publicado neste sábado.

    "Deixar o comando unido da OTAN para que a França não se envolva em guerras, que não são suas", informa o artigo 118 do programa de governo do partido. 

    Marine Le Pen promete "restaurarar as fronteiras e deixar a zona de Schengen". Em temas relacionados às fronteiras e à imigração, a candidata promete o impedir a obtenção de cidadania de estrangeiros ilegais na França, bem com reduzir a imigração até 10 mil pessoas por ano.

    Uma grande parte do programa de Le Pen é dedicada à luta contra o terrorismo. A candidata pretende proibir a atuação de organizações relacionadas ao fundamentalismo islâmico, bem como combater as redes de jihadistas, e ampliar os recursos voltados para a inteligência e segurança nacional.

    Marine Le Pen afirma defender a restauração da soberania Francesa. Este é o artigo número um do seu programa. Le Pen promete "restaurar a liberdade e o controle sobre o destino do país, restaurando a soberania do povo francês". 

    A Frente Nacional propõe a revisão da constituição do país, de modo a reduzir o número de deputados (de 577 para 300), e de senadores (de 348 para 200).

    Segundo as pesquisas da companhia Ifop, Le Pen é a favorita do primeiro turno das eleições e deve receber 25% dos votos. No entanto, no segundo turno, as suas posições não são tão promissoras. 

    As eleições presidenciais na França serão realizadas em 23 de abril e, no caso de um segundo turno, em 7 de maio.

    Mais:

    França elege candidato da esquerda socialista e Benoit Hamon disputará a presidência
    Premiê da França exorta UE a deixar de 'ingenuidade' e revidar protecionismo dos EUA
    Eleições França 2017: Valls e Hamon vão para o segundo turno das primárias socialistas
    Deixar de ser uma 'muleta' da OTAN: França exorta à independência da defesa europeia
    Será que a Rússia é responsável pelo frio na França?
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik