13:33 24 Janeiro 2020
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    3210
    Nos siga no

    Frequentemente, países ocidentais suspeitam que Moscou e Belgrado estejam por trás de "centro de espionagem". Por partes, eles têm razão, pois os russos espionam o tempo e, além disso, ofereceram acesso ao sistema de monitoramento espacial para os sérvios, em caso de emergência.

    O sistema de monitoramento acompanha as mudanças climáticas, deslocamento da crosta terrestre, incêndios e inundações. Todos os dados chegam ao centro operacional do Ministério para Situações de Emergência em Moscou, ligado ao Centro humanitário na cidade sérvia de Nis.

    Mapa de monitoramento de incêndioa no território da Europa e Ásia do Centro russo-sérvio
    © Foto / Centro humanitário russo-sérvio
    Mapa de monitoramento de incêndioa no território da Europa e Ásia do Centro russo-sérvio

    O diretor do centro, Bojan Glamoclija, disse à correspondente da Sputnik Sérvia, Senka Milos, que este sistema é de grande importância para o país. Para reforçar o destaque, o diretor citou que se não fossem os dados do centro, uma cidade síria teria sido destruída por completo. Especialistas conseguiram detectar a tempo que o gelo acumulado no rio poderia provocar uma inundação e causar tragédia a uma cidade de 100 mil habitantes.

    "Após identificação e monitoramento dos territórios, concluiu-se que o gelo devia ser explodido. Com a missão cumprida, a necessidade de evacuação da população cercada por neve e gelo desapareceu", disse.

    Segundo Glamoclija, o monitoramento espacial permite acompanhar situações de emergência por todo o mundo e principalmente nos países Balcânicos. Por exemplo, no ano passado, durante inundações na Macedônia, foram obtidas imagens da situação por completo.

    O sistema demonstrou a sua segurança durante os recentes terremotos na Itália, disse. Especialistas conseguiram prognosticar com antecedência o que acontecerá e quais regiões estavam ameaçadas.

    O centro humanitário russo-sérvio espera que a cooperação com países da União Europeia na área de monitoramento espacial dê frutos. Quando se trata de segurança, a política deve ficar de lado, opinam especialistas do centro.

    Mais:

    Rússia presenteia Sérvia com caças, tanques e blindados
    Tags:
    apoio, clima, situação de emergência, armas, Sérvia, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar