09:09 25 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    310
    Nos siga no

    De acordo com os perfis, posteriormente suspensos, a monarca teria falecido na madrugada desta sexta no horário local.

    Duas contas falsas da BBC espalharam nesta noite, a notícia de que a rainha Elizabeth II teria morrido e causaram comoção no Twitter antes da farsa ser descoberta.

    A boato da morte espalhou-se pela rede social depois que os perfis @BBCNewsUKI e @BBCNewsUKk (já suspensos), twittaram: "ÚLTIMA HORA: Palácio de Buckingham anuncia a morte da rainha Elizabeth II aos 90 anos. Circunstâncias são desconhecidas e mais informações em breve".

    ​Sem perceber a autenticidade, a informação acabou sendo replicada por milhares de pessoas, inclusive o o embaixador francês nos Estados Unidos, Gérard Araud. Ele se desculpou pelo incidente pouco depois, apagando todos os tweets relacionados à garfe.

    Não foi a primeira vez que um boato da morte de Elizabeth causou rebuliço. Em 2015, o perfil de afiliadas da rede de notícias CNN também divulgou a informação, se desculpando logo em seguida:

    ​Afiliados, por favor desconsidere nosso tweet anterior sobre a Rainha Elizabeth. Foi enviado por engano.

    O estado de saúde da rainha pode ajudado a alimentar os rumores. Na semana passada, o Palácio de Buckingham informou que a monarca não compareceria à tradicional missa de Natal em Sandringham, na Inglaterra. Foi a primeira ausência de Elizabeth II em 30 anos.

    Mais:

    Reino Unido intensificará ataques contra terroristas na Síria em 2017
    Rússia aumenta segurança de missões diplomáticas no Reino Unido
    Líder supremo do Irã: 'Reino Unido é uma fonte de mal e miséria'
    Tags:
    Palácio de Buckingham, Twitter, Elizabeth II, Sandringham, Estados Unidos, Inglaterra
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar