15:19 25 Agosto 2019
Ouvir Rádio
    Bandeiras da Ucrânia e da União Europeia em Kiev

    Financial Times: Holanda ameaça UE a minar acordo de associação com Ucrânia

    © Sputnik / Ramil Sitdikov
    Europa
    URL curta
    252

    A Holanda quer garantias de que o acordo de associação entre Kiev e UE não inclua questões relativas à defesa ou à futura adesão da Ucrânia ao bloco europeu, declarou hoje (9) o primeiro-ministro holandês Mark Rutte, em entrevista ao Financial Times.

    "Se não recebermos isso, no dia seguinte apresentaremos ao parlamento uma lei segundo a qual nós não ratificaremos o acordo de associação", disse Rutte.

    O acordo de associação entre Ucrânia e UE prevê um aprofundamento nas relações comerciais, políticas e econômicas. Em abril deste ano, os holandeses rechaçaram a proposta através de um referendo, com receio de que o acordo force o país a também prestar apoio financeiro ou militar à Ucrânia. Para entrar em vigor, a associação precisa ser ratificada por todos os países-membros da UE.

    Nas palavras de Rutte, as garantias exigidas pela Holanda devem possuir um caráter jurídico.

    A questão já está sendo ativamente discutida entre Bruxelas e Haia. Qualquer compromisso alcançado, no entanto, pode não receber o devido apoio na Holanda, já que o partido no poder, liderado por Rutte, não possui a maioria dos lugares no senado para garantir a sua aprovação. Enquanto isso, partidos tanto de esquerda como de direita do país exortam o primeiro-ministro a agir em conformidade com o resultado do refendo.

    Leia também: Ministro holandês fala à Sputnik sobre associação da Ucrânia à UE (VÍDEO)

    Mais:

    A esperança é a última a morrer: Ucrânia estipula novo prazo para aderir à UE
    Empresa da Holanda vai produzir papel higiênico ‘antiucraniano’
    Tags:
    acordo, associação, Mark Rutte, Ucrânia, União Europeia, Holanda
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar