05:53 25 Agosto 2019
Ouvir Rádio
    A vista de Belgrado

    Primeiro-ministro sérvio explicou por que Belgrado coopera com OTAN

    © Sputnik / Yury Somov
    Europa
    URL curta
    100

    Belgrado segue uma política de neutralidade militar, mas por razões racionais e para seu bem futuro quer desenvolver as relações com a OTAN, disse na quarta-feira o primeiro-ministro da Sérvia, Aleksander Vucic, depois de uma reunião com o secretário-geral da OTAN, Jens Stoltenberg, em Bruxelas.

    "A Sérvia é um país militarmente neutral e segue as decisões da Skupstina (Parlamento), mas por considerações racionais e olhando para o futuro em vez de voltar ao passado, quer desenvolver relações com a OTAN… Desejamos desenvolver essa cooperação no âmbito da Parceria para a Paz e do IPAP (Plano de Ação de Parceria Individual, sigla em Inglês). Isto é importante para os cidadãos e, tenho certeza, nós poderemos no futuro nos gabar dessas boas relações, porque elas significam a paz e estabilidade nos Bálcãs", cita o premiê a agência de notícias Tanjug.

    O chefe do governo sérvio participou pela primeira vez na quarta-feira da reunião do Conselho da OTAN em Bruxelas e se reuniu com o secretário-geral da Aliança, Stoltenberg. Os lados discutiram os desafios de segurança comuns à OTAN e à Sérvia que, de acordo com Stoltenberg, "é um exportador de segurança". Por sua vez, Vucic

    observou a importância da missão de paz da OTAN no Kosovo e Metohija.

    De acordo com uma resolução parlamentar de 2007, a Sérvia segue a neutralidade em relação a alianças militares, mas o parlamento do país ratificou, em 12 de fevereiro, o documento de imunidade diplomática para os representantes da OTAN e de apoio logístico no país. O Plano da Parceria Individual da Sérvia com a OTAN (IPAP) entrou em vigor em março de 2015, o documento define a cooperação em formação técnica, exercícios conjuntos e a criação de uma imagem positiva da Aliança na sociedade sérvia.

    Mais:

    Sérvia não tenciona introduzir sanções contra Rússia se ingressar na UE
    Aldeia sérvia muda nome para 'Putinovo' em homenagem a Vladimir Putin
    Tags:
    segurança, cooperação, OTAN, Jens Stoltenberg, Bálcãs, República Sérvia, Sérvia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar