13:53 22 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Edifício da União Europeia em Amsterdã, Países Baixos (foto de arquivo)

    Países Baixos podem sair da UE para levantar sanções contra Rússia

    © AFP 2017/ ROBIN VAN LONKHUIJSEN / ANP
    Europa
    URL curta
    93304361

    O partido para a Liberdade, que é a terceira força política nos Países Baixos, está elaborando um projeto de Nexit, referendo análogo ao do Brexit.

    Caso o povo holandês tome a decisão a favor da saída da União Europeia, o país quer levantar as sanções antirrussas, informou o jornal russo Izvestia citando o líder do partido Geert Wilders.

    O político chamou de prioridade o restabelecimento das relações com a Rússia de um país que é tradicionalmente comercial, destacando que graças à cooperação com Moscou a Holanda se tornará mais forte em termos econômicos.

    "A União Europeia é um monstro expansionista que não deve impor a sua vontade sobre os Países Baixos", sublinhou Wilders.

    Alguns países da União Europeia já se expressaram a favor de terminar com as sanções contra a Rússia. Como exemplo podem ser referidos a Assembleia Nacional da França, parlamentos regionais da Itália, o parlamento do Chipre e deputados da Alemanha, Bélgica, Hungria e Grécia.
    'Não sou fantoche da UE, sou seu Estado-fundador!'
    © Sputnik/ Vitaly Podvitsky
    'Não sou fantoche da UE, sou seu Estado-fundador!'

    Em julho de 2016, o Conselho Europeu prorrogou as sanções contra a Rússia até 31 de janeiro de 2017, associando a abolição de sanções a uma implementação completa dos acordos de Minsk. Moscou chamou este passo de "continuação da política imprevidente da UE", destacando que o Ocidente se arrisca perder seu nicho em uma série de segmentos do mercado russo.

    Mais:

    Autoridades britânicas seguem sem definição de prazos para o início do Brexit
    Processo de Brexit se adiantara até fim de 2019
    Economia do Reino Unido sofrerá queda depois do Brexit
    Pesquisa: mais da metade dos russos apoia o Brexit
    Brexit é foco da reunião do G20 na China
    Tags:
    relações, economia, sanções, Brexit, Holanda, União Europeia, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik